This site will look much better in a browser that supports web standards, but it is accessible to any browser or Internet device.



blog0news


  • Acabar com a corrupção eh o objetivo supremo de quem ainda nao chegou ao poder. (Millor Fernandes)

  • Vislumbres

    Assinar
    Postagens [Atom]

    Powered by Blogger

    Fragmentos de textos e imagens catadas nesta tela, capturadas desta web, varridas de jornais, revistas, livros, sons, filtradas pelos olhos e ouvidos e escorrendo pelos dedos para serem derramadas sobre as teclas... e viverem eterna e instanta neamente num logradouro digital. Desagua douro de pensa mentos.


    sábado, setembro 20, 2014

    Candidato Fotoxópi



    (Juiz de Fora, MG)
    para ver outras charges
    cliquem em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Casa terapêutica no Acre trata dependentes químicos com chá do Santo Daime


     
Caldeirão. Internos preparam o chá de ayahuasca para uso contra dependência química na casa Caminho de Luz: processo é considerado polêmico, mas especialistas vêm vantagens
Foto: Regiclay Saady/Freelancer / Regiclay Saady

    " O cabra pode ser durão mesmo, mas a gente não precisa dizer nada. Com o vegetal (ayahuasca) ele vai se ver e ver como esteve errado. É um trabalho de conscientização, de expansão da consciência do sujeito, que o chá ajuda a promover. O chá é uma força espiritual, da natureza - afirma Antônio Muniz, corresponsável pelo trabalho."

    leia a reportagem de Mariana Sanches >

    Casa terapêutica no Acre trata dependentes químicos com chá do Santo Daime - Jornal O Globo

    Mostra revê obra de Laerte em labirinto




    "Nesse labirinto que é a sua obra, existe uma criatura que ronda, tal como no mito do Minotauro. Inquietação ou angústia, um superego solto, uma entidade sem sexo, que acuada, ataca. Vive dentro do artista ou é parte dele. Exoesqueleto que o controla e o direciona. Pode ser o próprio Laerte, criatura entre nós. Ele, meu familiar pai, um monstro", diz o texto.

    Mas também alude à própria obra de Laerte, segundo Rafael. "Esse caminho pareceu ser o mais correto pra simbolizar essa profusão, essa quantidade tão volumosa de Laertes que ele construiu, as diferentes carreiras dentro da carreira de quadrinista", diz.

     Nessa etapa de agora, que se seguiu às amarras da "profissionalização", Laerte não cria novos personagens e não faz narrativas cômicas.

    Hoje, volta-se para a poesia, buscando a fantasia e a fuga do automatismo. É uma espécie de volta e homenagem à juventude, quando, dos 15 aos 17 anos, diz, experimentou com o surrealismo. "Isso tem eco na experimentação que vivo. Estou vivendo o reino das possibilidades o tempo inteiro", diz Laerte.


    leia a reportagem de Juliana Kalil Gragnani > 

    Mostra revê obra de Laerte em labirinto - 20/09/2014 - Ilustrada - Folha de S.Paulo

    Peruadas do Aécio



    (Rio de Janeiro, RJ)

    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Em documento, Forças Armadas admitem pela primeira vez tortura e mortes durante ditadura


    "Nesta perspectiva, o Estado Brasileiro, do qual este Ministério faz parte, por meio das autoridades legalmente instituídas para esse fim, já reconheceu a existência das lamentáveis violações de direitos humanos ocorridas no passado e assumiu sua responsabilidade pelo cometimento desses atos", diz o ofício.

    No texto, os três comandantes militares também se manifestaram. Exército e Aeronáutica afirmam que não é pertinente a essas forças se manifestar sobre as decisões do Estado brasileiros, se referindo ao reconhecimento de mortes e torturas. A Marinha, por sua vez, diz que não foram encontrados indícios que permitam confirmar ou negar a ocorrência das violações. Amorim diz que os militares não negam ocorrência desses fatos.

    leia mais
    Em documento, Forças Armadas admitem pela primeira vez tortura e mortes durante ditadura - Jornal O Globo

    sexta-feira, setembro 19, 2014

    The Story of a Cover Girl: Leading Designers and Illustrators Reimagine Nabokov’s Lolita


     

    "Lolita is not about love, because love is always mutual; Lolita is about obsession, which is never, ever love, and Nabokov himself was so disappointed that people did not understand this and take away the right message… For how could anyone call this feeding frenzy of selfishness, devouring, and destruction “love”?"

    see the gallery by Maria Popova

    The Story of a Cover Girl: Leading Designers and Illustrators Reimagine Nabokov’s Lolita | Brain Pickings

     

    pela cochlea: Mauricio Pereira e Turbilhão de Ritmos - Marcianita

    Pode ser a gota dágua




    (Rio de Janeiro, RJ)
     
    para ver outras charges clique 
    em marcadores:charge

    Marcadores: ,

    Cannabis Pharmacy: the practical guide to medical marijuana -


     
     Written by Michael Backes, a respected expert in the field, Cannabis Pharmacy is the most comprehensive, easy-to-use book available on understanding and using medical marijuana, with evidence-based information on using cannabis for ailments and conditions, plus a comprehensive guide to the most popular varieties. 

    "Cannabis Pharmacy begins with the history of medical marijuana and an explanation of how cannabis works with the body's own endocannabinoid system. Backes goes on to explore in detail 27 of the most popular cannabis varieties, how to identify them, the differences between them, and the medical conditions for which patients have reported effectiveness. Additional chapters describe how to prepare and store cannabis, how best to administer those preparations, and how to modify and control dosage. Also included is a guide to 29 ailments and illnesses for which doctors commonly recommend medical marijuana, including chronic pain, chemotherapy-induced nausea, multiple sclerosis, Alzheimer's disease, fibromyalgia, and Parkinson's disease. "

    listen to the interview by  Mark Frauenfelder > 
    Cannabis Pharmacy: the practical guide to medical marijuana - Boing Boing

    quinta-feira, setembro 18, 2014

    The Cosimo Code




    A TRIBUTE TO COSIMO MATASSA
    - A Fond Farewell to the true Architect of Rock & Roll and The Godafther of New Orleans R&B

    It's no exaggeration to say that he helped create the sound of rock 'n' roll, along with other great recording pioneers such as Bill Putnam of Chicago and Sam Phillips of Memphis. Moreover, he had little studio competition in the Crescent City during the classic R&B era, so he had his stamp on almost every R&B record to come out of New Orleans.

    The Cosimo Code

    Bicho-papão




    MIGUEL
    (Recife - PE) 
     
        clique na charge para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique 
    em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Hitler Food Taster Margot Wölk Speaks about Her Memories





    Each meal could have been her last, but Adolf Hitler's food taster Margot Wölk lived to tell her story. Forced to test the Nazi leader's meals for more than two years, the 95-year-old tells SPIEGEL ONLINE that she lived in constant fear.

    "Despite the past, she says she has always tried to be happy. "I didn't lose my humor," she says. "Though it got more sarcastic."

    Instead, she decided not to take it all too seriously. "That was always my trick to survival," she says. "


    read story by Fabienne Hurst
    Hitler Food Taster Margot Wölk Speaks about Her Memories - SPIEGEL ONLINE

    pela cochlea: The Cure - Hello Goodbye (Lennon - McCartney)

    Uma conversa sobre medo e criatividade com Stephen King


     

    " Por exemplo, eu estava num evento na França no final do ano passado, indo para o evento num SUV grande, bem alto e, quando paramos, ficamos quase na mesma altura de um ônibus que parou ao nosso lado. Eu olhei pela janela e dei de cara com um homem na janela do ônibus lendo um jornal. E aí eu pensei: que interessante, estamos a menos de 60 centímetros um do outro mas somos dois mundos diferentes, duas pessoas indo em direções diferentes e no entanto tão, tão próximos. E aí comecei a pensar… e se… e se não fosse um homem, fosse um casal, e na hora em que por acaso eu olho para a janela o homem corta a garganta da mulher e nós estamos ali pertinho, a menos de 60 centímetros de distância e seguimos em direções opostas… Essa é uma história que eu gostaria de contar. Não tenho uma metáfora boa para explicar, mas é meio como estar de patins e segurar no para-choque de um caminhão… você vai se deixando levar."

    leia a entrevista para ANA MARIA BAHIANA
    Uma conversa sobre medo e criatividade com Stephen King « Blog da Companhia das Letras:

    Enquanto isso, no Oriente Médio





    (Juiz de Fora, MG)

    para ver outras charges
    cliquem em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Jornalista retrata a boemia carioca da Lapa em quadrinhos




    " Luis Pimentel faz uma viagem no tempo para lembrar ícones da música e da cena boêmia do Rio de Janeiro, como Geraldo Pereira, Wilson Batista, Noel Rosa, Assis Valente e Madame Satã.

    Para retratar esse cantinho tão carioca capaz de arrebatar gerações, o escritor baiano recorreu a um parceiro de longa data. “Escolhi o Carlos Amorim para fazer as ilustrações, porque ele tem um traço muito bonito, que traduziu com perfeição a Lapa, os seus arcos, os seus bares, as suas particularidades."

     leia mais
    Jornalista retrata a boemia carioca da Lapa em quadrinhos - Diversão - O Dia

    Propaganda não decide eleição


    "Há décadas, partidos e líderes políticos fazem concessões e traem ideais e biografias (Lula no jardim de Maluf com Fernando Haddad, por exemplo) para conseguir alguns minutos a mais no horário eleitoral gratuito. 

    Tudo devido à crença generalizada, apesar de várias negativas da ciência e da história, de que as pessoas se deixam manipular pelos meios de comunicação de massa: quem aparecer mais tempo na TV vencerá. "

    leia mais
    Carlos Eduardo Lins da Silva: Propaganda não decide eleição - 18/09/2014 - Opinião - Folha de S.Paulo

    Um meme aplicado ao debate dos candidatos






    (Joinville, SC)

    para ver outras charges
    clique em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    "Quero ser um símbolo nacional contra o racismo", diz Patrícia Moreira - Grêmio - ZH Esportes - Grêmio: Últimas Notícias do Esporte - Zero Hora


     "Quero ser um símbolo nacional contra o racismo", diz Patrícia Moreira Mauricio Tonetto/Agência RBS

    A paixão de Patrícia Moreira da Silva pelo Grêmio está estampada na própria pele. Com uma tatuagem do time nas costas e cinco anos de idas ininterruptas ao Olímpico e à Arena, ela diz que o fanatismo a levou a cometer um ato impensado, que acabou com sua vida social. Flagrada chamando o goleiro do Santos Aranha de macaco em partida da Copa do Brasil no final de agosto, ela responderá processo por injúria racial, enquanto tenta mostrar ao país que agiu por impulso.

    Patrícia deixou a casa — apedrejada e incendiada — e se refugiou com familiares.
     leia mais
    "Quero ser um símbolo nacional contra o racismo", diz Patrícia Moreira - Grêmio - ZH Esportes - Grêmio: Últimas Notícias do Esporte - Zero Hora

    Quando ouço falar em cultura...


    Os candidatos a nosso governo aqui falam falam falam e não mencionam seu programa para a área da cultura. Falam de segurança educação, saude transporte economia corrupção e cultura nada.

    Até que leio, sim, algum candidato abordando a questão cultural!

    É o Crivella, pra dizer que acabará com a secretaria de Cultura, que passará a fazer parte de Esportes e Lazer (numa época de Olimpíadas).




    ps.
    Crivela diz que enxugará o secretariado, contenção de custos, essas coisas, pois há órgãos demais.
    Bom, ele deve entender do assunto, tendo chefiado por algum tempo o Ministério... da Pesca.

    quarta-feira, setembro 17, 2014

    pela cochlea: Headline - The Chet Baker Ensemble

    These Are 32 Of The Most Stunning Submissions In This Year's World Photography Awards


     

    The 2015 Sony World Photography Awards season has officially opened.
    The competition, open to photographers of all skill levels and ages, has seen over 700,000 submissions -- from over 230 different countries -- since it launched in 2007. It aims to showcase the talents of artists and amateurs around the globe, calling for individuals to enter photos in four categories: professional (level "serious"), student (for those studying photography), youth (for the under 19 crowd), and open (for the enthusiasts).

     SEE THE GALLERY
     These Are 32 Of The Most Stunning Submissions In This Year's World Photography Awards






    Eleição é conto de fadas






    CLAUDIO
    (São Paulo, SP)

    para ver outras charges clique 
    em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Sweet dreams: Horror movie pillows


     


    The good people at Horror Decor have a line of printed pillows that are absolutely fabulous. 


    Sweet dreams: Horror movie pillows | Dangerous Minds

    Ilustrador brasileiro cria situações divertidas ao colocar o seu cachorro como o centro das suas artes


     

    Ilustrador brasileiro cria situações divertidas ao colocar o seu cachorro como o centro das suas artes | Tudo Interessante | Curiosidades, Imagens e Vídeos interessantes



    bull_terrier07

    pela cochlea: Miltinho - Palhaçada, de Haroldo Barbosa e Luis Reis (1961)



    Cara de palhaço, pinta de palhaço, roupa de palhaço...

    Enquanto isso, no Oriente Médio...







    (Rio de Janeiro, RJ)
     
    para ver outras charges clique 
    em marcadores:charge

    Marcadores: ,


    Como existe a Lei Maria da Penha
    deveria haver agora uma Lei Jandira Magdalena
    descriminalizando o aborto.

    Guerra no horário eleitoral foge de temas centrais da vida do eleitor, dizem analistas





    "Pesquisa recente do Datafolha revelou que o horário eleitoral, foco dos maiores gastos de campanha, já não tem a mesma força do passado. De acordo com o instituto, 46% do eleitorado respondeu não ter “nenhum interesse” pelos programas. Outros 33% disseram que têm “pouco interesse”. Muito interessados foram somente 20%. A taxa de falta de interesse demonstrada pela pesquisa só não foi maior do que na campanha de 1998."

    leia reportagem de Chico Otavio > 

    Guerra no horário eleitoral foge de temas centrais da vida do eleitor, dizem analistas - Jornal O Globo

    Wedding Photo Found at Ground Zero Returning to Owner 13 Years Later : People.com

     

    Wedding Photo Found at Ground Zero Returning to Owner 13 Years Later

    "For the past 13 years, Elizabeth Stringer Keefe had the same Sept. 11 ritual: She would remove the fading photo she kept safe inside her favorite Ernest Hemingway novel – A Moveable Feast – and post it on social media, hoping its owner or any of the people in it could be identified and found.

    Every year, her quest seemed fruitless – until last week, when the photo went viral and its owner, Fred Mahe, not only reached out to Keefe, but confirmed everyone in the picture is alive and well. "

    read the story here> 

    Wedding Photo Found at Ground Zero Returning to Owner 13 Years Later : People.com:

    No pombal do Brasil


    (Rio de Janeiro, RJ)

    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Patti Smith Tells It Like It Is In Riot Fest Rant, Continues To Be Our F*****g Hero


    View image on Twitter

    "Capping off an emotional set at Riot Fest in Chicago's Humboldt Park as the sun set Sunday evening, the legendary singer-songwriter, poet and artist launched into an epic rant on politics, corporate greed and war as she and her band finished "People Have the Power," one of her best known songs.

    "We do have the power! Our governments, our corporations would like us to feel defeated, but we have it with our numbers if we use it. Don't forget it!" Smith exclaimed.

    "People, you can change the f*****g world! Take heart, don't give up!" she continued, beginning to shake with rage and vigor. "Globally unite for peace! It's not f*****g corny; it's what we f*****g need!""


    see this here> 

    Patti Smith Tells It Like It Is In Riot Fest Rant, Continues To Be Our F*****g Hero:

    A trajetória de ‘Hallelujah’, lançada sem alarde por Leonard Cohen, em 1984, hoje um clássico


     O cantor Leonard Cohen, que completa 80 anos Foto: Chad Batka/The New York Times / NYT

    "— John Cale ouviu “Hallelujah” pela primeira vez em um show de Leonard. Isso mostra o quão obscura ela ainda era no início dos anos 1990. Quando foi convidado a participar de um tributo a Leonard, Cale escolheu “Hallelujah” e precisou contatar o escritório do cantor para pedir a letra. O que não era tão simples assim. Leonard escreveu páginas e mais páginas de versos, durante anos, e sempre mudava a escolha e a ordem quando a interpretava ao vivo, tentando achar a combinação ideal. Cale contou que saiu de casa e, quando voltou, sua sala estava coberta de folhas de fax com a letra completa."
    leia a matéria de Liv Brandão > 

    A trajetória de ‘Hallelujah’, lançada sem alarde por Leonard Cohen, em 1984, hoje um clássico - Jornal O Globo

    pela cochlea: Boogie-Woogie Na Favela / Bonitão / Eu Quero Um Samba / Pourquoi (Essa Nega Sem Sandália) Elza Soares & Miltinho

    IN MEMORIAM




    http://www.radio.uol.com.br/musica/elza/boogie-woogie-na-favela---bonitao---eu-quero-um-samba---pourquoi-essa-nega-sem-sandalia/1687003?cmpid=clink-rad-ms

    terça-feira, setembro 16, 2014

    Luta eleitoral

     
     
     
     
    (Campinas, SP)

    para ver outras charges clique 
    em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    Médicos Sem Fronteiras (2): ‘Algumas vezes há bons motivos para chorar’


     


    "A primeira pessoa que tive de mandar embora foi um pai que trouxe sua filha doente na mala de seu carro. Ele era um homem educado e implorou para que eu levasse sua jovem filha, dizendo que, embora soubesse que não poderíamos salvar sua vida, pelo menos poderíamos salvar o resto de sua família dela. Naquele ponto, tive que ir para trás de uma das tendas para chorar. Não tonha vergonha das minhas lágrimas, mas sabia que tinha que ser forte pelos meus colegas. Se todos começássemos a chorar, realmente estaríamos com problemas.

    Outras famílias simplesmente encostavam seus carros, deixavam a pessoa doente e iam embora, abandonando-as. Uma mãe tentou deixar seu bebê numa cadeira, na esperança de que, se o fizesse, não teríamos escolha a não ser tomar conta da criança.

    Tive que recusar atendimento a um casal que chegou com sua jovem filha. Duas horas depois a menina morreu na frente de nosso portão, onde ficou até que a equipe de remoção de corpos a levou. Regularmente chegavam ambulâncias com pacientes suspeitos de ebola de outros centros de saúde, mas não havia nada que pudéssemos fazer. Não podíamos mandá-los para outro lu gar — todos os lugares estavam, e continuam, cheios."


    mais no depoimento de Pierre Trbovic > 

    ‘Algumas vezes há bons motivos para chorar’ - Jornal O Globo

    Médicos sem Fronteiras (1) 'Chorava escondido para pacientes não verem',


     Crédito: Liliana Andrade

     "Reencontrei uma criança que há dois anos tinha sido vítima de um explosão e tinha queimaduras no rosto, na mão, nos braços. Tratei dela em um projeto de cirurgia plástica reconstrutora. A cada dois ou três dias precisava de anestesia e eu tinha muito contato com ele. No meu último dia ele, que não falava uma palavra de inglês, olhou pra mim e falou I love you, Lili.

    Quando cheguei aqui a primeira coisa que perguntei foi sobre ele. Me falaram que continuava fazendo tratamento, ele ainda tem muitas queimaduras. E ele veio me visitar. Foi a maior surpresa. Comecei a chorar e ele ficou todo envergonhado. Ele lembrava de mim, veio direto no meu colo. O pai disse que ele se recusa a fazer novas cirurgias, porque já sofreu muito, e a família está muito preocupada.

    Dei lápis de cera pra ele, brincamos. Essa foi a única tarde em que realmente tive férias. Ao final, perguntei: “Still love me?” E ele falou “I love you” outra vez. É muito gratificante, não tem dinheiro no mundo que pague isso."


    leia a entrevista para Luiza Bandeira>

    'Chorava escondido para pacientes não verem', diz médica brasileira em Gaza - BBC Brasil - Institutional



    O Uruguai descriminaliza a maconha e estuda melhores possibilidades para a prática do aborto. O Chile revoga uma lei caduca de anistia para poder discutir melhor seu passado de torturas e desmandos militares. E o Brasil acha que é o país mais avançado da América Latina.


    A corrupção vai aumentar






    (Rio de Janeiro, RJ)
      
    para ver outras charges clique 
    em"marcadores: charges


    Marcadores: ,

    Por que só Rafael? -

     É emblemático que, de todos os manifestantes presos, um morador de rua tenha restado como único condenado dos protestos

     "O morador de rua afirmou que usava os produtos para higienizar a calçada onde dormia ou para lavar para-brisas. O Judiciário prefere se agarrar, no entanto, à improvável hipótese do “lumpen black bloc”. Adota-se a bizarra tese criminal de que possuir substância livremente comercializada configura crime de porte de artefato explosivo. Mais um caso que confirma a perversa seletividade da Justiça criminal, que mantém na cadeia maioria esmagadora de jovens negros, pobres e de baixa escolaridade."
    leia o artigo de Tiago Melo e Carlos Eduardo Martins > 

    Por que só Rafael? - Jornal O Globo

    Miltinho canta "Laranja Madura" (Ataulfo Alves) 1976 - in memoriam

    Selling the Soul of Star Wars


     

    "what for Disney is profitable recycling is for Hollywood at large a challenge to the entirely-too-low standards of the blockbuster in the digital age.

    Today the word “blockbuster” invokes visions of CGI-ridden films—Transformers, superhero movies, and the like—skating on brand recognition rather than on novel characters or storytelling. Which, in turn, makes Star Wars a particularly compelling touchstone. A big part of its appeal lay in how it created a scum-caked, tactile landscape of diverse planets and people. This was a franchise where the robots were humans encased in metallic costumes, not computer-generated death-machines that transform into Porsches. The speeders and snow-walkers and lightspeed-equipped ships all were models assembled by human hands, not digital rendering. It was a blockbuster with soul, in the sense that its most impressive effects had a direct line to an engineer, puppeteer, or actor."


    read more> 

    Selling the Soul of Star Wars - The Atlantic

    Aécio tenta de tudo pra subir nas pesquisas




    MIGUEL
    (Recife - PE) 
     
        clique na charge para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique 
    em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Jandira Magdalena: Temos que falar disso


    Caso da jovem que desapareceu quando seguia para clínica de aborto mostra como a sociedade demora para avançar em questões que há décadas são tabu




     


    "A gente precisa discutir esse assunto. Sem ideologia, proselitismo ou politização. É um problema de saúde sério há tempo demais pra continuar como está. Se o caminho não for a flexibilização da legislação sobre aborto, hipótese que deixa os conservadores de cabelos em pé, que se encontre um outro jeito de evitar esse fluxo de meninas em direção a açougues improvisados. Dizer que a culpa é das mulheres, que deveriam ter feito sexo com proteção, é simplesmente lavar as mãos, dar as costas para uma questão que, em outros países, está sendo discutida com mais seriedade."
    leia o artigo de William Helal Filho >

    ​The Point-and-Click Adventure Game Is on a Quest for a Comeback







    Chalk it up to a generation of aging gamers' ripening nostalgia, or to fatigue from an endless barrage of first-person shooters but the  point-and-click graphic adventure—a name that originated when pointing-and-clicking was still something of a novel concept—seems to be in the midst of its most eventful year in well over a decade.

    That sense was no more evident than late last week, when Activision revealed that it is bringing back the Sierra brand, a name that you may find either vaguely familiar or remember fondly depending on your age and gaming inclination in the 80s and 90s. Only Lucasfilm was as synonymous with adventure games as Sierra during that heyday, when it produced classics ranging from its numerous “Quest” titles to the Gabriel Knight series, which many regard as its high water mark.

    This week,  Activision confirmed that the revived Sierra will have “an exclusive focus on indie game development,” and produce a mix of new titles and “contemporary reimaginings of beloved Sierra classics,” including a new King’s Quest game due next year.


    read more
    ​The Point-and-Click Adventure Game Is on a Quest for a Comeback | Motherboard

    De Cora Ronai:

    Na televisão os candidatos falam em educação como se tivéssemos um sistema educativo de verdade, que precisa apenas de alguns ajustes: todos dizem que vão investir mais em educação, que vão aumentar o salário dos professores e o número de vagas nas escolas e universidades. Mas de que adianta aumentar o número de vagas em estabelecimentos onde não se aprende nada? Qual é o sentido de formar profissionais sem a mínima empregabilidade?

    A educação brasileira está agonizante. Não há dinheiro que resolva se ela não for repensada de alto a baixo, com o comprometimento efetivo da sociedade e de todos os partidos, independentemente de pseudo ideologias ou de alianças de ocasião.

    O Brasil nunca esteve tão ignorante, tão boçal, tão despreparado. Quando é que vamos parar de fazer de conta que os nossos professores ensinam e que os nossos alunos aprendem? A quem estamos querendo enganar com isso?

    domingo, setembro 14, 2014

    Ebola




    SAMUCA
    (Recife, PE)

    clique na charge para ve-la maior
    para ver outras charges clique em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    Alan Moore Just Wrote A Novel So Enormous People Can't Pick It Up



    Alan Moore Just Wrote A Novel So Enormous People Can't Pick It Up

    The book sounds both appropriately grandiose and insane for a Moore novel. It's basically about a historical look at Moore's hometown of Northampton, but with a not insignificant amount of fantasy, and done in an extremely wide variety of styles. Chapters include:

    • One about Moore's brother in the fourth dimension

    • A crime noir about local pastor James Harvey, the "father of the Gothic movement"

    • A combination "ghost story" and "drug narrative"

    • A chapter written like a Samuel Beckett play, "because the author once visited the town to play cricket"

    • A completely "incomprehensible" chapter about James Joyce's daughter Lucia, "all written in a completely invented sub-Joycean text"

    • And something about "a savage, hallucinating Enid Blyton", the children's book author

    And goodness knows what percentage of Jerusalem's one million words these take up.
    read more
    Alan Moore Just Wrote A Novel So Enormous People Can't Pick It Up

    Marina é esperança?






    (Rio de Janeiro, RJ)

    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,


    e o blog0news continua…
    visite a lista de arquivos na coluna da esquerda
    para passear pelos posts passados


    Mas uso mesmo é o

    ESTATÍSTICAS SITEMETER