This site will look much better in a browser that supports web standards, but it is accessible to any browser or Internet device.



blog0news


  • TA TUDO MUITO ESQUISITO, DEPOIS QUE VISUAL VIROU QUESITO

  • Vislumbres

    Assinar
    Postagens [Atom]

    Powered by Blogger

    Fragmentos de textos e imagens catadas nesta tela, capturadas desta web, varridas de jornais, revistas, livros, sons, filtradas pelos olhos e ouvidos e escorrendo pelos dedos para serem derramadas sobre as teclas... e viverem eterna e instanta neamente num logradouro digital. Desagua douro de pensa mentos.


    sábado, novembro 29, 2003

    desculpe-me leitores, publiquei as potocas abaixo de um hotel onde a conexão era 18 kbps e não tive como conferir depois sua publicação.
    Não queria perder a data de quinta que era o Thanksgiving propriamente dito mas tive que sair logo do computador pois a máquina era da assessoria de imprensa de um evento de humor onde eu participava e as meninas estavam ansiosas pra despacharem notas & pautas

    e agora estou num cibercafé paraguaio (!!!)
    e conferindo o blog vi que as fotos não entraram
    quando puder vou tentar consertar
    por enquanto, visitem as outras atrações da página
    que estou visitando atrações impressionantes por aqui!

    adendo num domingo 30
    subi as fotos através de um notebook - parece que está tudo certo...
    na terça estarei de volta ao rio e publicando normalmente no blog0news
    se é que isso se pode chamar isto aqui de normal - ou de mente!

    sexta-feira, novembro 28, 2003


    HUMORISTAS FAZEM AÇÃO DE GRAÇAS
    POR TER O BUSH COMO PERSONAGEM








    fotos de Mike Thierney e Jason Reed

    quinta-feira, novembro 27, 2003


    O MÃGICO DE FOZ



    We're off to see the wizard
    the wonderful Wizard of Foz!

    Sim, a essa altura jah terei ido pro Festival de Humor em Foz de Iguassu
    se conseguir conexao por lah mandarei posts contando como eh a cidade das esmeraldas...

    quarta-feira, novembro 26, 2003


    FLOCO DE NEVE DERRETEU...



    Homenagem ao gorila albino de Barcelona...


    CANTINHO DOS ANIVERSARIANTES

    andando pelos caminhos gráficos da Vigna-Maru
    percebi que Alan Moore está fazendo 50 anos esta semana.
    (Compareça à festa aqui.)

    Por falar nisso, quem completou 60 há pouco foi a chanteuse
    Joni Mitchell...


    teve a jurisprudencia e a jocosidade de me incluir em seu jogo

    JOGO DA DAMA


    um blog muito interessante e bem escrito assinado por Beduina dos Velso.
    Confiram.


    CITAÇÃO DE HOJE

    Há muita ignorância e distorção sobre o mundo árabe. Dizem, por exemplo, que os árabes não tem a mais vaga idéia do que seja democracia, que eles abraçam uma cultura da violência, que desistiram de manifestar-se sob regimes que os controlam ferreamente. Tudo isso é um acúmulo de tolices.

    Comecemos por uma das instituições-chave da sociedade civil, que é a imprensa. Pois eu diria que em alguns sentidos as idéias circulam de maneira mais ampla no Oriente Médio, inclusive em países com censura fortre como o Egito e a Jordânia, do que nos Estados Unidos. Você pode, se quiser, comprar um jornal do Partido Comunista numa esquina de Amã ou no Cairo - e isso é absolutamente impossível nos EUA. Todo tipo de opinião é transmitido por satélite. Veja o caso da rede de televisão Al Jazeera. Ali falam liberais e maoístas, islâmicos e anti-islâmicos, gente de todas as frentes. Isso não acontece na CNN ouna Fox News.

    Em segundo lugar, os regimes linha dura se mantém num estado de tensão constante com movimentos de direitos civis, movimentos femininos, ONGse instituições representativas dos mais diversos tipos.

    A propaganda faz os árabes parecerem todos selvagens e atrasados, mas isso é mentira. Compor uma representação mais refinada do que seja o mundo árabe é uma tarefa urgente para os ocidentais.


    - Edward Said

    terça-feira, novembro 25, 2003

    LULA AINDA SE ATRAPALHA COM O PROTOCOLO



    POR FALAR EM FESTA E EM ALEGRIA

    Tenho que levantar desta mesa e ao invés de ir para a cama dormir o resto do tempo vou sair para um outro lugar onde tenho que escrever piadas. De preferência, piadas engraçadas. Quando a única coisa que me faria rir talvez fosse acabar tudo. Todo o universo. Tudo o que dizem que Deus criou. As maravilhas e as desgraças todas criadas pelo homem desaparecendo como pó, poeira, pensamento fugaz
    e não restando nada. Nem sombra, Nem sobra.

    Isso talvez eu achasse engraçado.
    Talvez. Mas não acho que eu possa (d)escrever isso pra passar na televisão.

    E ainda dizem que humor é fácil.


    TUDO É FESTA! TUDO É ALEGRIA!

    E o circo do caso Michael Jackson já está nas paradas! Todas as aberrações viram especiais na TV. Todas as acusações rendem milhões. Todos os figurantes são candidatos a astros. Quem cai do trapézio vira palhaçada.

    E Mico Jackson montou um site como uma central de informações para seus fãs saberem e acompanharem a verdade. Por enquanto é muito asséptico e não diz nada.


    AFOGANDO EM NÚMEROS

    A gente nada em meio a numeros, dados dolorosos, mas perdidos em sua profusão. Este, porém, é agudo. Extremamente agudo:

    em setembro de 2002 havia 75 mil crianças brasileiro já ralando em trabalhos
    em setembro de 2003 há 132 mil crianças brasileiros ralando sua infancia fora em diversos trabalhos

    dados do IBGE.


    FLOG THE FASHION

    O fenomeno fotolog transborda dos cadernos informáticos e chega a outras partes dos jornais. Foi materia principal do caderno Ela, de O Globo, no sábado.

    Mas enfocando justamente aquilo que me irrita nos flogs, seu lado fútil, passarela de vazios, amiguinhos se mostrando detonados na naite, modelos de pseudo-auto-modismos, albunzinhos de adolescentes (em idade e espirito), a badalação de sinos ocos feito de açúcar confeiteiro...


    voltei pra lançar umas observações aqui
    antes de viajar de novo
    então vamos lá

    (em ordem inversa, é claro
    aqui se escreve de baixo pra cima)

    domingo, novembro 23, 2003


    não sei o que tá rolando mas nesse momento está um clima apocalypse now com helicopteros voando baixo
    tuftuftuftuf bem alto sobre nossas cabeças e tetos

    adendo
    é um helicoptero do CORE que caiu na mata do Morro dos Cabritos e estão tentando agora chegar lá pra resgatar os cinco tripulantes....

    outro adendo
    A explicação do que aconteceu está em O Mundo Perfeito.


    Sim, eu sei, hoje é domingo
    mas estou com muito trabalho por fazer e assim não estarei postando.

    Tenho também que antecipar diversas tarefs pois na quinta estarei viajando novamente.
    Viagem que será relatada aqui no blog0news - aguardem...

    sábado, novembro 22, 2003


    ONDE VOCE ESTAVA QUANDO KENNEDY FOI ASSASSINADO?

    O titulo acima eh uma das perguntas seminais do nosso tempo.
    40 anos depois, está um tanto em desuso, mas por décadas foi um tópico de conversas, a ser sacado em vazios de assuntos.

    A geração atual terá seu equivalente de impacto noticioso com: Onde você estava quando derrubaram as Torres Gêmeas...

    No caso do assassinato de 22 de novembro de 1963 a sensação comunitária ao se responder à pergunta era reforçada por vivermos então os primórdios da aldeia global, onde um fato como este poderia ser compartilhada simultaneamente em díspares rincões.
    O meio era uma novidade.
    E a mensagem era uma novidade.
    Não se matavam pessoas ao vivo na TV.
    Não se eliminavam presidentes abertamente.
    A violencia gráfica não fora disseminada no cotidiano de nossas vidas.

    Bem, mas hoje fazem 40 anos.
    Onde eu, especificamente, estava?

    Numa sala de aula. Bem nos intestinos do império, dentro do interior da besta, esse país governado por um líder novo e audaz e bonitão que, ceifado subitamente, se esfarinhava diante dos olhos de uma nação atônita.

    Eu estava na aula. Uma diretora entrou, aos prantos, e anunciou: The president has been shot! Não se falava ainda que ele tinha morrido. Aliás, nem se sabia disso ainda. Mas um atentado desse nível ao comandante supremo da nação era suficiente pra suspender as aulas e irem todos correndo pra casa.

    Não faltaram, claro, naquela terra mergulhada em paranóias, a suspeita de que o ataque seria necessariamente seguido por um ataque nuclear e portanto foi-nos enfatizado que deveriamos ir imediatamente pra casa e nos abrigarmos - com uma TV pra acompanhar os fatos - num shelter ou basement.

    Portanto quando anunciaram que Kennedy levara um tiro todas as crianças aplaudiram! Hoje não tinha mais aula! Um equivalente ao Thank you, Hitler do filme "Hope & Glory".

    Mas na proxima segunda quando as aulas recomeçaram haviam ainda algumas crianças vibrando, refletindo a euforia de seus pais em casa. Apesar da aura gloriosa que se construiu em torno do mito camelotiano, no interior da Amerika John Kennedy nao era exatamente um deus.
    Me lembro de um garoto branquelo e balofo me dizendo:
    I?m glad that nigger lover got what was coming to him!

    Já em nossa família, estreitamente ligada aos democratas, foi como se um parente fora eliminado. O choque e o luto eram totais. Meu tio que morava em Washington proximo ao poder nos telefonou dando detalhes. Soubemos que Jack tinha morrido e que Jackie estava viuva. Todo mundo grudado em frente à TV.

    Eu era um menino de 10 anos e logo perdi o saco praquelas imagens que se repetiam jah que as noticias eram escassas. Depois eu veria dias e dias do drama, o enterro onde John-John fez uma continencia inocente, Jack Ruby matando Lee Oswald em frente às câmeras, etc. Mas naquele fim de tarde eu não tinha mais aula e queria mesmo era ir pra rua brincar com os outros colegas folgazãs. As ruas pacatas ali eram ladeadas de ditches, buracos fundos para escoamento de águas, e naquelas semanas nossa onda era brincar de II Guerra Mundial em batalhas de trincheiras.

    Quando escureceu voltei pra casa e tomei um esporro do meu pai pela alienação de eu não estar me dando conta de que aquilo era um momento histórico!! Foi uma das raras vezes em que me disseram pra grudar o nariz na televisão ao invés de brincar lá fora.

    Depois, muito depois, é que veio tudo o mais. O atirador sobre a colina, a camera amadora de Zapruder, o outro atirador na biblioteca, as teorias, as conspirações... mas aí já era. Era outra era. Aquela terminara.

    SAIA JUSTA NA RECEPÇÃO A BUSH NA INGLATERRA



    foto de Jason Reed

    sexta-feira, novembro 21, 2003

    EU HEIN! sendo processado por uma turma de PMs que o "anúncio" aí do lado ofende os brios da corporação (como se tantas outras coisas, mais do que ofendessem, até não a condenassem). Pedem R$ 200 mil reais como reparação por danos morais.

    Mais uma daquelas ações descabidas onde se tenta punir economicamente criações humorísticas - que, aliás, só são realmente engraçadas porque fundamentadas em costumes reais como o hábito secular da polícia achacar ao invés de proteger seus cidadãos.

    Vocês podem acompanhar esses trâmites pelo proprio Eu Hein ou em outros pontos da internet. Espero que, mais uma vez, não dê em nada a não ser em aporrinhação pro Nelito. Mas nunca se sabe - sempre tem instâncias insensatas ou advogados ávidos por faturamentos sobre o alheio...

    O ponto deste post é que Cora Rónai postou uma nota sobre o caso acima que se transformou num cabidal de comentários que levam o assunto além numa enxurrada de opiniões veementes. A maioria defende o direito ao humor, ou tecem raciocínios a respeito, mas uma minoria vociferante o bastante para impro o tom ao debate considera absurda a brincadeira do Eu Hein!

    Defendem a Polícia Militar com argumentos emocionais como até os de citar os bravos soldados morrendo na guerra contra o tráfico - mesmo os processantes não percebem que a cutucada é contra os elementos corruptos e não a corporação como um todo - e um leitor da Cora mais exaltado propõem que PMs vão lá e cubram o jornalista-humorista de porrada!

    Começo a me cansar e a me desanimar com a ignorancia grassando na internet... a ira das pessoas indelicadas agride & arranha meu bom senso e a paciência de ler e refletir sobre opiniões de outrem. O que vejo são ovos de serpente chocando.

    Conforme comentei lá: Mas estou comecando a notar uma tendencia:
    quando se escreve sobre uma coisa, as pessoas surtam, extrapolam e respondem sobre varias outras coisas!! Os seres andam muito muito revoltados!! Revolta sempre eh uma coisa boa, mas ultimamente anda demais de maos dadas com a intransigencia...


    Cora, cansada de repetir os argumentos mais óbvios, também pensa em jogar toalhas... Não dá para transmitir a vocês o horror que é ver o tamanho do trem que vem vindo em direção à gente e, em vez de sair correndo, ter que explicar, pacientemente, o que é um trem. Isso realmente me envenena o sistema.

    ps,: será que tudo isso é vingança do Cocadaboa?

    E AGORA? MINHA MÃE TÁ LENDO O MEU BLOG!

    É sempre bom utilizar as ferramentas criadas por gente entusiasmada com o que faz e que tem senso de humor. Tenho a maior simpatia pelo pessoal do Blogger, mentores do espaço onde publico este blog0news.

    O satírico The Onion publicou uma reportagem engraçada com um mané que se apavora ao atinar que sua mamãe anda lendo seu blog - daqueles tipo diário, confessionais - e descobrindo suas sujeiras e enfiadas-de-pés-na-jaca.

    O Blogger, além de colocar um link pra matéria em sua primeira página
    (voce que usa o blogger costuma ler os post de sua homepage?)
    arrematou com a postulação de sua Posição Oficial sobre a Questão,
    onde de forma humorística alardeia as possibilidades de sua ferramenta (o blogger)
    dando algumas dicas práticas ou absurdas de como despistar a fuchicação de mães (ou conjuges).



    Extremamente prazeirosa a revista da Biblioteca Nacional, recém-lançada, chamada Nossa História. Uma cria do amante de livros e de histórias Pedro Correa do Lago.
    A publicação segue a linha da História do Cotidiano. Uma história mais viva, relatando além de datas & fatos a maneira como as pessoas viviam.

    Como no artigo de Mary del Priore narrando um dia do Marques de Lavradio, vice-rei do Brasil, andando pelas ruas do Rio.

    Nomes como Eduardo Bueno e Elio Gaspari integram o rol de colaboradores,
    o primeiro mostrando como o burocratismo (e seus filhotes corrupção e nepotismo) vem desde os primeiros instantes do Brasil,
    o segundo revelando os bastidores da reunião que aprovou o AI-5 em 68.

    Até fofocas históricas integram essas páginas saborosas, como o troca-troca promovido pela Princesa Isabel e sua irmã às vésperas de seus casamentos...

    Mas o melhor mesmo é o picante artigo de Ronaldo Vainfas: Brasil de todos os pecados. Como se trepava, como se cantava as mulheres, como elas davam, enfim como era a vida sexual (inclusive dos padres) no Brasil Colônia.
    Como diz o poema de Gregório de Matos citado no artigo:
    O Amor é finalmente
    um embaraço de pernas,
    união de barrigas,
    um breve tremor de artérias.

    Uma confusão de bocas,
    uma batalha de veias,
    um rebuliço de ancas,
    quem diz outra coisa é besta.


    A revista é toda ilustrada com obras do acervo da Biblioteca Nacional. Coisa fina. E viva. Nas bancas.


    Lembrando que esta semana no Pasquim 21
    ou no seu site acessável por este link
    sai a segunda parte da entrevista histórica com Apolônio de Carvalho.

    Escrevi aqui sobre a primeira parte.

    Nesta, Apolonio, com seus 92 anos bem vividos, fala da luta armada nos anos 60/70, e vem narrando pelas décadas até analisar o país de hoje. Sempre com seu inesgotável otimismo

    A caricatura é de Cavalcante


    CITAÇÃO DE HOJE

    A Era da Informação não será lembrada pelos dias divertidos, viajantes e totalmente alto astral das pontocom, apesar da presença perseverante de tecnologias desenvolvidas pelas pontocom.
    A Era da Informação será lembrada como uma época em que cidadãos de terceira idade, universitários inovadores e meninas de 12 anos em favelas de Nova York foram perseguidos por cartéis cobiçosos buscando amedrontar seus futuros fregueses até a subsmissão;
    quando as metas de lucro dos vendedores hi-tech determinaram como interagem e são organizadas pessoas e clientelas de empresas;
    quando se presumiu que todos são criminosos em potencial até ser provado o contrário de acordo com critérios opressivos definidos pela indústria;
    quando um revolução outrora maravilhosa nas comunicações globais converteu-se numa cloaca de mensagens marqueteiras invasoras e ofensivas;
    quando saber fazer algo ilegal tornou-se tão ilegal quanto fazer algo ilegal;
    quando as defesas legais quanto à liberdade de expressão foram manipuladas a fim de preservar segredos corporativos enquanto ocultando vulnerabilidades que ameaçam o público;
    quando nossas vidas foram monitoradas e dissecadas por firmas de marketing visando a melhor maneiras de nos vender coisas que não queremos e das quais não precisamos;
    e quando a promessa e as capacidades promissoras da tecnologia foram usadas para enredar subrepticiamente e aprisionar deliberadamente membros da sociedade da era da informação ao invés de realmente beneficiá-los.


    - Richard Forno
    "High Tech Heroin"
    tradRicky

    quinta-feira, novembro 20, 2003

    LULA ANDA LENDO MUITA HISTORIA EM QUADRINHOS


    quarta-feira, novembro 19, 2003


    BRASIL 3 X 3 URUGUAI

    A imprensa tripudiou como se fossem dos maiores absurdos do universo as declarações do técnico Carrasco, do Uruguai, bravateando que entendia mais de futebol do que o Parreira.

    Claro, que isso faz parte das provocações que apimentam as partidas,
    mas - pelo menos dentro do Pinheirão em Curitiba e dos 90 minutos de BR x Urug - o Carrasco mostrou quem estava com a razão.

    Perdendo de 2 x 0, mexeu no time, re-estruturou sua tática, voltou pro segundo tempo com outra formação e quase vira pra vitória, arrancando um bom empate fora de casa.

    Parreira continuou no previsível: sai Kaká entra Alex, etc. Não soube mexer, não soube alterar, não soube entender mais de futebol do que o carrasco que enforcou sua saída de bola.

    Claro, os uruguaios contaram com a péssima defesa brasileira. E aí volto ao nosso simpático Parreira: se a defesa estava horrorosa, por que não foram feitas substituições na defesa??

    Bem, como poderia responder agora o Lula, cada macaco no seu galho. E Parreira botando o galho dentro.


    Pela COCHLEA: Fletcher Henderson




    DE VOLTA AO REAL

    Toda essa patuscada absurda e abusiva de Berzoini e assessores previdenciários - e outros fatos semelhantes - revelam o quanto o pensamento do brasileiro, principalmente de seus dirigentes, ainda é tão cartorial.

    Um pensamento burocrático, desinventivo, onde diante de questões recorre-se sempre às soluções óbvias e imediatas, as mesmas de antanho. Não se consegue ousar reviravoltas de caminhos. O recurso de exigir que anciões se apresentem fisicamente a repartições lotadas, por filas gigantescas, demonstra como vivemos a mentalidade dos cartórios sebosos. Tantas possibilidades outras poderiam ser pensadas se os cérebros tivessem a agilidade do raciocínio atualizado que engloba o virtual e a aplicação prática não só de novas tecnologias mas novas maneiras de abordagem e portanto de ação.

    E a prevalência dos detalhes e das regrinhas sobre quaisquer fatores de humanidade ou de bom senso? O fulcro é o texto impresso, nos meandros labirínticos, e não a pessoa. Burocratismo total!

    terça-feira, novembro 18, 2003


    Quando se chega de um tempo fora
    se continua ainda um tempo fora.

    Dificil de se encaixar novamente nas engrenagens.
    Alheio ao cotidiano.

    Olho para os jornais e não vejo essas noticias, estou distante desses fatos, que desinteresse diante das novas mancadas e mancas novidades deste governo. O mundo explode lá fora e aqui
    há tanto calor
    me chama me chama cama
    convidando a um descanso das correrias de viagem
    antes de viajar nas corredeiras das tarefas esperantes. Aguardentes.

    Embriagadas de uma importancia que não mais atino.
    Deixei-as aqui urgentes sobre a mesa.
    Retorno re-encontrando-as despidas de sentido.

    Tanta coisa anotada pro blog e agora são traços...

    Seu cerne comido por traças ou pelo distanciamento de minha ida e minha volta? Sei lá, fico lendo jornais e navegando por internets quando deveria estar lendo realmente importante que são os livros as densas histórias de palavras bem encaixada e
    deveria ter prosseguido nas viagens pelas ruas e estradas e descaminhos
    pra ver com meus próprios olhos e não clicando mouses teclando teclas scrolando telas.

    Mas voltei.E em algum momento tudo será como antes. Mas não agora.
    Nessa hora
    não faz sentido
    ficar sentado.
    Assentado.

    Assuntos
    ausentes.
    Assunto
    o presente.

    sábado, novembro 15, 2003


    Por motivos de viagem este blog0news voltará a ser atualizado na próxima terça-feira.

    quinta-feira, novembro 13, 2003

    Vale a pena comprar O Pasquim esta semana
    ou entao ir no seu fraco site - clicando aqui
    para ler a entrevista historica com Apolonio de Carvalho.

    Eh uma aula de historia do brasil e tambem de algums momentos da historia mundial.
    Pois Apolonio em sua trajetoria esteve presente no levante comunista de 35, na guerra civil espanhola, na resistencia francesa aos nazistas, na luta armada contra a ditadura brasileira, na fundacao do PT, etc etc etc.
    Eh a chamada testemunha ocular da historia, e, mais do que isso, testemunha participativa.

    Alem da aula de historia eh um testemunho da solidariedade humana e um exemplo de otimismo inquebrantavel.

    Eu fui a essa entrevista. Como Apolonio eh um senhor de 92 anos, pre-julguei que nao fosse durar muito, embora jah a soubesse interessante e cheia de historias. Mas pensei que com a saude de um anciao... marquei ateh um cinema com a ana para duas horas depois.

    Pois a entrevista durou cinco horas!!! E Apolonio ainda queria mais - os entrevistados eh que cansaram! Ele tem uma memoria surpreendente e um entusiasmo que o impele a continuar sempre contando das coisas antigas e analisando o presente e futuro.

    Duas horas depois, na hora do cinema, liguei pra ana e falei: "Ainda estamos em 1937".
    Confiram no Pasquim que eh imperdivel.


    BLOG0NEWS RELOADED

    Mudei o link e agora quem clicar em potocas
    ao invés de ir para as potocas mais antigas
    vai para uma galeria das ultimas potocas
    (as de setembro 2003 pra cá).

    Assim dá para conferí-los enquanto o assunto ainda está na lembrança.
    Experimentem ir vê-los pois acho que irão se divertir.
    Tem Lula, Papa, Romário, Gabeira, vários personagens.

    Estão agora num flog entrável também por aqui.


    THE WALL

    Quanto à segunda citação abaixo, que a princípio pode ofender algumas pessoas, recomendo a leitura
    desta reportagem
    de Justin Huggler do Independent, traduzida pro portugues.


    CITAÇÕES DE HOJE

    O grande mal do futebol nacional pode ser resumido num axioma:
    enquanto nossos torcedores agem como dirigentes, nossos dirigentes administram como torcedores.
    Não há clube que sobreviva a uma combinação tão perversa.


    - Marcos Caetano
    "Que inveja dos argentinos"


    A Alemanha espera que Israel mate cinco milhões de palestinos para decretar o fim do complexo de culpa!
    - Nataniel Jebão

    terça-feira, novembro 11, 2003

    MINISTRO DA PREVIDÊNCIA CONTINUA IRREDUTÍVEL



    Foi com Rafael Lima, na cara do gol, que li o toque:
    Eduardo Fernandes, o criador do Fraude.org
    e da revista Radar (irmã da Zero)
    montara um espaço novo na web
    chamada apropriadamente de GONZO.
    Visite e experimente.
    (Aliás, saiba aqui o é gonzo.)

    E alinhás, nacaradogol
    tem uma excelente análise sobre a série Cidade dos Homens. Profundo e certeiro.

    Carta Capital desta semana com matéria de capa sobre o jornalismo esportivo. Enfoca a promiscuidade entre os comentaristas de radio e TV e merchandisings, jabás, um propagandismo anti-profissional. A partir do barraco entre Milton Alves e Juca Kfouri e a saída deste último da Rede TV por ser recusar a merchandas.
    Muito apropriado pra quem gosta de futebol, de jornalismo e de ética.

    detalhe de ilustração de Baptistão


    Interessantes as consideração do CAT em sua coluna desta semana...

    Será que você também é um mosquito dágua?


    COMENTÁRIOS QUE ACABAM VIRANDO POSTS

    E continua a pendenga que começou com a publicação de uma potoca com o Lula
    e prosseguiu por outros tópicos e posições.

    Agora o Brunno escreve uma tetráplica a tréplica da Bia Badaud.


    Oi Bia
    Assim a gente se entende.

    Como vc, também abomino os políticos, idealmente falando. Entretanto, eles existem, e temos que conviver com eles. Portanto, eu tento julgar caso a caso e tirar conclusões idem idem.

    No caso presente, o acordo com o FMI foi considerado conveniente por prover o Brasil de uma linha de crédito que pode sacar quando precisar. É uma espécie de seguro pq os investidores privados costumam ser ariscos e tiram o time de campo em face da menor nuvenzinha que aparece no horizonte. Dizem que banqueiro é um sujeito que lhe empresta um guarda-chuvas e o pede de volta quando começa a chover. O que a Heloisa Helena diz é correto, mas é a regra do jogo. Quando vc se coloca na posição de devedor e precisa de dinheiro do credor, quem faz as regras é ele. Ou vc aceita os termos ou não tem o empréstimo. Se vc for tomar empréstimo num banco brasileiro vai ver que assim é. O fato do PT ter mudado de opinião é compreensível. Ser oposição é uma coisa e ser governo outra. Só que eles não coram nem um pouquinho.

    Espero que me desculpe os termos da minha resposta, mas sou descendente de italianos e tenho o pavio curto.


    - Brunno


    Refere-se a estes comentários

    e a este post

    e a esta potoca.


    GNT - O Vício da Liberdade - terça 11 23:30 quarta 12 05:00 17:00
    Continuando a faixa de seu festival de documentários, este é uma visão do advogado Evandro Lins e Silva, realizada por sua neta Flávia, mais Eduardo Vaisman e Vinicius Reis.

    Além dos depoimentos de Evandro o programa apresenta fatos jurídicos marcantes de sua carreira e momentos históricos do Brasil em sua trajetória desde os anos 60 a 2002.


    CITAÇÃO DO DIA

    A junção dos pervertidos pelo lucro com a natureza rala e tacanha de nossos legisladores produziu uma Era da Informação onde os direitos e as capacidades do indivíduo não importam. Tampouco importa facilitar a evolução da sociedade permitindo que ela tire a máxima vantagem dos desenvolvimentos tecnológicos para seu benefício coletivo. Nem importa a realidade. Hoje, só o que importa é o quanto de dinheiro e de liberdade as pessoas estão dispostas (ou forçadas) a pagar (ou sacrificar) aos seus mestres corporativos pelo privilégio de viver dentro dos vários feudos baseados em informação que lhes são fornecidos a fim de gerar receitas.

    Richard Forno
    "High Tech Heroin"
    tradRicky

    segunda-feira, novembro 10, 2003

    LULA SE ARREPENDE DE COMENTÁRIO AFRICANO



    foto de Joedson Alves


    COMENTÁRIOS QUE ACABAM VIRANDO POSTS

    Eu já havia escrito minhas observações sobre o debate aqui entre Bia Badaud e Brunno
    quando percebi que o diálogo continuava no setor de comentários...

    Como são textos interessantes, continuarei então a reproduzi-los aqui,
    Mas vamos por partes, pra não abarrotar vossas paciências.

    Quem não leu o princípio do debate pode clicar aqui

    Aí a Bia postou o seguinte:
    ô bruno, tira o terno e vamos pra praia! eu to indo.

    ó só, eu achei engraçadíssimo o seu comentário, e você polidamente me achou tola, beleza, tamos empatados, né?

    eu acho o brasil um país riquíssimo, em recursos humanos, recursos vegetais, minerais, territoriais, espirituais, e um monte de outros ais que não me ocorrem agora, que o sol me chamando me atrapalha deveras.

    e não sinto vontade de ser polida com políticos que ficam fazendo metáforas enquanto a roubalheira come solta, já que eu suspeito que se a roubalheira fosse um pouco menor a miséria, refletida por crianças abandonadas, por exemplo, seria menor.

    e pra piorar a situação, a foto com o balão ficou muito engraçada, mesmo, ainda mais depois de o lula ter reclamado lá de longe dos termos do acordo, e o paloci vir dizer que desta vez foi diferente, que o acordo com o fmi foi feito mas o país nem precisava, exatamente ao que alude o texto do balãozinho da foto.

    pena que o negócio perde a graça, quando a gente escuta a senadora lucia helena, por exemplo, explicando como é absurdo uma instituição financeira regular as diretrizes de um país do tamanho do brasil.

    e quando ela lembra que o próprio pt abominava o fmi, responsabilizando-o pela perpetuação de problemas estruturais crônicos em países em desenvolvimento.

    eu acho que se os políticos se preocupassem com o bem do país parariam de roubar. e os que não roubam deveriam se empenhar em criar mecanismos pra coibir a roubalheira. porque o país só não transparece a riqueza que tem porque a roubalheira e a cara de pau não têm limites.

    mas isso não acontece nem acho que vá acontecer tão cedo. todo mundo sabe onde tem ponto de venda de droga e todo mundo sabe que a polícia leva dinheiro de traficante pra não fazer nada. todo mundo sabe que administradores de hospitais levam grana em cada compra superfaturada que fazem. isso é miséria, isso é medonho.

    tenho duas opções, uma me suicidar, outra, rir. ah, teria outras, poderia ficar falando difícil, punhetando teorias, mas sinto enorme dificuldade em filosofar tropeçando em crianças imundas pelas ruas.

    isso é o que eu acho, não são argumentos. espero ter esclarecido as suas dúvidas. tenha uma boa praia!


    Refere-se a esta potoca.

    Depois tem mais.


    PREPARE OS OVOS, JAGUAR

    Ziraldo pensa em se candidatar à Academia Brasileira de Letras na vaga de Raquel de Queiroz.



    GNT - Me Erra! - segunda 10 23:00 terça 11 05:00 17:00
    O GNT finalmente abriu espaço em sua nova programação mulherzinha
    pro gênero que realmente o consagrou que é o documentário.
    Quer dizer, vinha eventualmente passando documentários, mas reprise da reprise da reprise.

    Nesta semana, na grade do GNT.doc, uma série de docus excelentes exibidos em tela na mostra de docus promovido pela próprio GNT. E hoje começa muito bem, com a exibição de Me Erra!

    Me Erra! é um filme de Paola Leblanc sobre o universo do morro e do boxe. Duas lutas. Na Academia Nobre Arte do Morro do Cantagalo no Rio de Janeiro.

    Com Me Erra não tem erro. Não percam (mesmo sendo esta a versão condensada pra TV).





    MULHERES

    Parabéns a Andrea, a professora que perdeu as pernas, pela imagem pública que está passando de resistência e amor à vida.

    Eu tinha visto suas primeiras entrevistas, no hospital, mas pensei: quando ela sair e se ver na realidade vai cair a ficha.

    Bem, realmente, algum dia essa ficha vai cair, mas retomando a sua vida ela permanece confiante sob os holofotes, indo à praia em sua cadeira de rodas e dois cotocos.

    O que move uma pessoa assim, quando seu mundo e suas pernas desabam?


    adendo
    O post acima é um universo do qual compartilho intensamente.
    Em 1973, recém-chegados de uma temporada nos EUA, minha esposa estava atravessando uma rua de Belo Horizonte quando um caminhão de carga perdeu os freios e passou por cima dela.

    Atropelou e esfacelou a nossa vida. Ela teve que amputar a perna esquerda e sofreu multiplas fraturas na perna direita, implantando pinos & parafusos & peças. Além de lesões na bacia. Foram oito meses numa cama e vários anos até conseguir andar novamente. E passou o resto da vida lutando com a instabilidade das pernas e a dificuldade dos movimentos

    Como tudo muda em um átimo de instante!



    MULHERES

    Parabéns a Jessica Lynch por não ter vestido inteiramente a fantasia de heroína do deserto e ter vindo a público, em entrevistas, alertando que todo aquele ôba-ôba propagandístico americano criado em torno de sua captura e resgate não fora nada daquilo.

    Ela poderia ter ficado na dela e colhido os frutos da lenda num pomar de patriotismos exaltados. Quiseram fazer dela uma Ramba. Acabou se mostrando apenas uma pessoa. Mas uma pessoa gente.

    adendo
    Como sou um sujeito desconfiado, vindo lá de Minas, pode ser também que não seja nada disso. Pode ser uma campanha orquestrada de venda da imagem de coitadinha, agora que lança um livro (e vem aí o filme)...


    CITAÇÃO DE HOJE

    Os comunicados enviados desde Bagdá chegam com atraso e são insinceros e incompletos. A situação é muito pior do que nos foi dito. Neste momento, não estamos muito distantes do desastre.

    - Lawrence da Arabia
    em 1920.

    domingo, novembro 09, 2003

    PALOCCI SAI SATISFEITO DO ACORDO



    foto de Jamil Bittar


    COMENTÁRIOS QUE ACABAM VIRANDO POSTS

    Caramba! Quase tão polêmica quanto a assinatura pelo Governo PT de um novo acordo com o FMI capitalista foi a publicação de uma potoca que pensei sobre o assunto (e nem tanto sobre o assunto).
    Pelo menos aqui neste universo do blog0news.

    Leiam, por exemplo, o dialogo entre Brunno e Bia Badaud...

    Sabe, eu acho que a liberdade de expressão é uma conquista da democracia. Mas as pessoas deveriam usá-la com o devido critério. Em primeiro lugar o FMI não obrigou ninguém a fazer acordo. Quem assim decidiu foi o governo brasileiro pq acha que é melhor para o país. Em segundo lugar, tratar desta forma o Presidente da República (já aviso logo que não votei nele e nem acho que ele tenha competência para exercer o cargo que lhe deram) é, no mínimo, falta de educação.
    - Brunno


    ô 'bruno' , você REALMENTE acredita que políticos decidem coisas pq acham que era aquilo o melhor pro país???

    gargalhadas de novo!!!! péra, péra.. preciso respirar..... ai...

    péra, péra.. você acha o cara incompetente, você mora num lugar onde crianças dormem nas ruas sendo que o país é rico... e você está questionando polidez??????

    po, assim morro sem ar, de tanto rir....

    - Bia Badaud


    Bia: a mais antiga forma de se fugir de um debate é desqualificar o que os outros dizem. Rindo. Janio Quadros dizia que muito riso, é sinal de tolice. Afinal de contas, se não foi por entenderem que o acordo é bom para o país, que outras razões teve o governo? Antes de rir, dê as suas. Não entendi o que é que tem que ver a incompetência do Lula com crianças dormirem nas ruas. Eu vi muita gente dormindo nas ruas em São Francisco, que é uma cidade realmente rica. E quem é que disse que o Brasil é um país rico? Isso é uma tolice. Nossa renda per capita dá menos de 3.000 dólares. Isso é RPC de país pobre, não rico. E, para piorar, a renda é pessimamente distribuída. Antes de rir de novo, traga seus argumentos, que suponho vc tenha.
    - Brunno


    Bem, quem quiser ver a potoca que originou o debate, clique aqui

    POSTS QUE ACABAM SENDO COMENTÁRIOS

    Clique aqui para ler o comentário de ricky goodwin, do blog0news, sobre a publicação da potoca com Lula e a discussão acima.


    ACORDOS & DESACORDOS

    Não é possível ter o acordo com o FMI com o Presidente da República em Moçambique - discursava Lula, justamente em Moçambique, enquanto no Brasil Palocci e Anne Kruzger-Credo assinavam em sangue (nosso sangue) mais um Pacto Sinisto.

    Duas conclusões são inferíveis desse desajuste de realidades:

    1. Ou tornou-se evidente uma política reincidente e deliberada do Presidente Lula ausentar-se do país quando da tomada de posições impopulares (vide transgenicos, etc) a fim preservar sua popularidade e figura bonachona

    2. Ou ficou evidenciado que o Presidente Lula é uma figura decorativa, que viaja, fala de improviso, joga peladas, cria metáforas, alegra o país, enquanto quem manda mesmo é o núcleo duro (de aturar) de Palocci e Zé Dirceu..


    COISAS QUE VALEM ESPERAR UMA VIDA PRA VER

    As bandeiras comunistas com a foice e o martelo sendo hasteadas na Escola Militar do Rio de Janeiro.
    Novecentas pessoas, no pátio central da milicada, entoam a plenos pulmões o emocionante hino da Internacional Comunista.

    Eram apenas filmagens.
    Cenas de "Olga", baseado no livro de Fernando Morais.
    Mas muitas almas repressoras deveriam estar espumando nos túmulos!!




    sábado, novembro 08, 2003


    OS INVASORES

    Como finalmente perceberam que o buraco é mais embaixo
    e com o pau comendo solto na casa de noca em bagdá, faluja e arredores
    os americanos, hostilizados e perdendo elementos para amigos e inimigos que supunham ter derrotado,
    tentam improvisar um cinturão de segurança em torno dos seus,
    passando algumas atribuições do galinheiro pras aves locais
    e investindo numa força policial integrada por iraquianos,
    que iraquianos morrendo é outra forma de estatística, é coisa lá deles mesmo.

    Como tudo feito por lá, é uma iniciativa ultra-alardeada, totalmente desencontrada, e certamente ineficaz.
    Donald Rumsfield diz que essa força já conta com mais de 100 mil policiais iraquianos.
    Paul Bremer diz que são 80 mil iraquianos.
    O Wolfowitz, recém-bombardeado, diz do alto do seu cagaço que são 60 mil.

    Uma coisa eu sei:
    entre os 60 a 100 ou nao sei quanto mil, NÃO estarão os dez policiais iraquianos assassinados pelos próprios americanos.

    peraí que a barca está chegando e tenho que ir lá e continuo este post depois...

    10 policiais iraquianos, trabalhando para os americanos, foram mortos numa emboscada pelos próprios americanos. Uma coisa de louco: o tiroteio entre as partes durou uma hora e meia. Verdadeira batalha. Foi tanta bala pra todo lado que pegou fogo num hospital do outro lado da estrada..

    Um engano?
    Os americanos surtaram?
    Alguma história por trás disso?

    Robert Fisk não responde mas descreve, no seu excelente estilo:
    Um cérebro humano estava jogado ao lado da estrada. Espalhado pela areia, detonado da cabeça de seu dono quando os americanos emboscaram seus próprios policiais iraquianos.

    A alguns centímetros estão os dentes de um policial, dentaduras quebradas mas limpinhas, os dentes de um jovem. "Não sei se são os dentes do meu irmão - e não sei nem se meu irmão está vivo ou morto" - Ahmed Mohammed gritava pra mim - "Os americanos levaram embora os mortos e os feridos - não contam nada pra gente."


    Os invasores não entendem porque não são recebidos com flores nas ruas.


    GRAVADORAS X ARTISTAS
    ou o que alguns tentam apresentar como
    GRAVADORAS X PIRATARIA

    Reproduzo uma nota da coluna da Monica Bergamo na Folha:
    Caetano Veloso tomava sol alegremente na praia de Boa Viagem, em Recife, no sábado, quando surgiu um vendedor anunciando, aos gritos, "CDs de Caetano" por apenas R$ 5. Chamado por Paula Lavigne, mulher do compositor, o ambulante levou um susto. Depois, mais calmo, infornou: seu lucro sobre a venda de cada CD pirata é de R$ 2.. É mais do que o próprio Caetano ganha por unidade vendida legalmente no país.

    Me parece que o teor da nota seria contra a pirataria e as falsificações de CDs.
    Mas o que me estarrece mais é que:
    em cada CD vendido por... por quanto mesmo? Como faz algum tempo que me recuso a compactuar com essa roubalheira, comprando CDs pelo valor de venda dos gravadoras, não sei exatamente...

    Me informem, por favor: quando custa o mais novo CD de um Caetano?
    Mas suponhamos que seja uns vinte paus.
    Quer dizer que o artista - mesmo um artista fuderoso como o Caê - não recebe nem dez por cento pela venda do produto?

    Quer dizer que quando alguem compra um CD está dando dinheiro pra quem?
    Quer dizer que quando alguem baixa um CD pela internet está "tirando dinheiro" de quem?

    Bem faz o Agnaldo Timóteo que quando vai à praia enche o carro de seus CDs pra vender ele mesmo!


    DÓRIS PARA MAIORES
    ou
    É MUITA INJUSTIÇA COM O IDOSO

    Independente de questões humanitárias ou de marketing governamental
    no absurdo episódio dos previdenciários com mais de 90 anos obrigados a se apresentarem aos postos pra receberem suas minguadas pensões
    observo ainda dois pontos:

    1. o ônus da prova é do acusador
    e nao do acusado.
    O INSS ou quem fosse ligado ao Governo é que teria que comprovar quem está vivo e quem está morto e quem é fantasma
    e não os vivos e quase-mortos terem que provar que estão vivos e são gente.

    2. mesmo em se instituindo essa engenhosa prova de seleção-comprovação
    jamais poderia ser aplicada em imediato, confiscando-se pensões de pessoas necessitadas até ser apresentada a prova em contrário.
    Por que não um aviso prévio, de 30, 60 dias, periodo em que os idosos poderiam se dirigir com calma, sem as esgotantes filas, aos locais para se recadastrarem, e só então, após um tempo, após peneiras, reter os casos suspeitos?

    Enfim, como diz o próprio Lula, esse governo nem precisa de oposição.
    Eles próprios provocam e alardeiam seus próprios estragos.
    E sem pedir desculpas.

    adendo
    A registrar também a teoria de Ana Pinta de que no fundo isto seria uma medida de economia para a Previdência: um ardil pra assim matarem de neura e cansaço de locomoção alguns dos velhinhos que estão onerando os cofres da Nação.


    CITAÇÃO DE HOJE

    Queremos ser parte do ambiente de informações e nos sentimos mais poderosos com cada novo gadget, cada novo serviço, cada nova conexão digital nas nossas vidas. O conceito de "informação em toda parte" supre uma gratificação instantânea para satisfazer nossas necessidades de livros, música, pornografia e interação digital com outros através de buscas na rede, comércio eletrônico, e-mails, ICQs, e conteudo em streaming pela banda larga.

    Links em alta velocidade capacitam organizações a operaram por todo o mundo à velocidade da luz e conduzir seus negócios 24 horas por dia. O sol nunca se põe na Era da Informação; estamos sempre plugados na matriz global do dominio informativo. Estamos viciados e constantemente boiando num mar de estímulos eletrônicos.

    Mas ao corrermos para abraçar as últimas e mais sensacionais aparelhagens ou serviços hi-tech e satisfazer nossas ânsias tecnológicas, nos tornamos mais e mais dependentes desses produtos e de seus fabricantes - tão dependentes que quando algo quebra, dá pau ou é atacado, nossa capacidade de funcionar é reduzida ou eliminada.


    - Richard Forno
    "High Tech Heroin"
    tradRicky

    sexta-feira, novembro 07, 2003


    LULA ESCLARECE ACORDO COM FMI


    NO PAÍS DA IMPUNIDADE

    Aroeira ilustrou bem a situação do Silveirinha conforme descrito no post aqui.

    Veja clicando aqui, indo pro acervo de charges.


    OS INVASORES

    Pessoal numa vila do Iraque resolveu ir a uma mesquita próxima faszer suas preces no Ramadã. Arrumaram tres picapes pra levar o pessoal todo que queria ir. Aí foram.

    Na volta uma tropas americanas viram aquilo e pensando que fosse um bonde de terroristas atacaram os veículos. O terceiro, o que vinha mais atrás, foi atingido. As pessoas lá dentro também. O motorista, embora muito ferido, conseguiu se afastar dos americanos e pegar uma outra estrada onde dirigiu até morrer.

    Passou um outro pessoal num caminhão e vendo a picape parada, cheia de feridos, se ofereceram pra levar as pessoas até um hospital. E aí esse outro caminhão encontrou outra patrulha americana que abriu fogo, sem nem saber de quem se tratava, ferindo mais gente ainda - inclusive esses samaritanos do caminhão - e matando uns dos que já estavam feridos.

    E os invasores ainda se admiram de não serem amados apaixonadamente.


    OS DESINVASORES

    Agora é a Espanha que caiu fora dessa roubada que foi invadir o Iraque. Está tirando seu pessoal de lá.
    Só que, conforme explica o Premiê Aznar, isso nao representa uma retirada do país. Não, essas pessoas estão é "fazendo consultas e debatendo se devem continuar no Iraque ou nao".
    Mas - engraçado - vão fazer isso em casa.

    quinta-feira, novembro 06, 2003


    AH, ESSES INGLESES...

    Todo mundo sabe que o casalzinho Beckham, o astro inglês do futebol, e Victoria ex-Spice Girl, é muito chegadinho, muito agarrado, um usa a calcinha da outra, a outra usa a cueca de um, e assim por diante.

    Mas vejam que romântico o banheiro deles,
    com essa jacuzzi-cum-privadas:


    BANCOS BOTAM BANCA

    Mesmo com o fraco desempenho da economia, o Itaú registrou lucro líquido de R$ 2.,298 bilhões nos nome primeiros meses do ano, o que representou um aumento de 36,2% sobre o mesmo período de 2002.
    Foi o melhor resultado do Itaú no país e o maior entre as instituições que já divulgaram seu balanço até setembro.

    O Bradesco ganhou R$ 1,591 bilhão, enquanto o Banespa alcançou R$ 1,310 bilhão.


    - O Globo, 5 de novembro


    ISSO É QUE É!!


    Marli de Paula Ribeiro finalmente conseguiu o prêmio de 50 mil que teria ganho num concurso da Coca-Cola em 96.
    Isso mesmo: levou quase sete anos e vários processos pra conseguir receber, mesmo tendo a tampinha premiada!

    O concurso era assim: você tinha que combinar um numero e uma letra com o resultado do sorteio da Coca-Cola. O numero e a letra estariam impressos numa tampinha de refrigerante. Sujeito compra uma porrada de refrigerantes, junta aquelas tampinhas todas, e fica acompanhando e torcendo pra ver se ganha. Quem espera sentado, engorda ainda mais depois de tomar tanta Coca.

    A tampinha premiada de dona Marli tinha o resultado certo: 1-J e 1-L.
    A Coca-Cola não aceitou dizendo que isso era um erro de impressão e que na verdade na tampinha constava 1-L e 1-L.
    Realmente, colocado num microscópio, via-se que de fato o J era um L. Mas somente num microscópio! A olho nu ou com outras lentes o que se via era mesmo um J.

    Agora, o mais fantástico disso tudo pra mim vem agora: sabem qual o argumento levantado de imediato pela Coca-Cola?
    Eles tinham certeza de que a tampinha ou era falsa, ou continha um erro de impressão porque... porque...
    NENHUMA TAMPINHA CONTENDO A RESPOSTA CORRETA TINHA SIDO EMITIDA PELA COCA-COLA!!!!

    Ou seja: lançaram um promoção estimulando a venda do produto em função de um prêmio que tinham certeza que ninguem ia ganhar! Pois não tinha como alguem ganhar!!! Isso é que é!!

    Desconfiem sempre desses concursos e promoções. É tudo armado, gente. E aproveitem pra parar de tomar Coca-Cola que é um troço ruim pra cacete...


    FORA DE QUADROS

    Zé Dirceu já conseguiu por pra fora dois ótimos quadros: Fernando Gabeira e Luiz Eduardo Soares.

    Quem serão os próximos?


    BUSCAS BRUSCAS

    Vocês acreditam que depois de um ano ainda tem gente entrando no blog0news em busca de fotos de suzane richtofen nua ??


    CITAÇÃO DE HOJE

    Ó Coutinho, esse troço de matar é uma barbaridade, mas acho que tem que ser.

    - Ernesto Geisel, ditador brasileiro.

    terça-feira, novembro 04, 2003

    BISPO GAY CRIA PROBLEMAS PARA IGREJA ANGLICANA






    fotos de Michael Springer

    OS INVASORES

    Bush arrota bravatas deste lado do Atlântico:
    Podem vir quentes, terroristas!
    Nós não vamos arregar! Não vamos deixar o Iraque!
    E etc.

    Não foi exatamente isso que fez o Wolfowitz
    (um dos arquitetos dessa invasão desastrada e desastrosa).
    Quando soltaram bomba no hotel em que se hospedava em Bagdad
    ele se cagou e deixou o país imediatamente.

    É fácil fazer bravatas de longe, usando os filhos dos outros como bucha de canhão.
    As guerras antigas também era filhasdaputa mas tinham uma prática salutar:
    os filhosdaputa dos comandantes supremos e reis avançavam à frente das tropas....

    MPQP!

    O Governo Lula não aguentou esperar a Reforma Tributária (que visa basicamente arrecadar mais grana pro governo)
    pra arrecadar desde já mais grana pro governo
    e tascou em plena madrugada uma MP - medida provisória, onde o P aí funciona que nem na CPMF, transmutando de provisória em permanente.

    A MP aumenta a taxação do Cofins.
    A cada MP de FHC o PT estrilava. Vai virar agora estribilho de sua gestão?

    MÁ IMPRESSÃO

    Sei que a Amerika tem seus atrativos mas se eu fosse turista não pensaria em visitar aquele formoso e paranóico país. Deveria haver um boicote mundial contra o turismo aos EUA. Se eles não querem que ninguém vá pra lá mesmo, quer dizer, pelo menos os ninguens que não são do Primeiro Mundo?

    Esse perrengue absurdo de você chegar já amarfanhado e exaurido de viagem e ainda ter que tirar sapatos pra revistarem, ser apalpado e agredido pra revistarem, tirarem foto de frente e de perfil, deixar as impressões digitais... você é visita mas é tratado de cara como criminoso!

    ASSEGURANÇA

    Não sei qual é a do Pinaud, secretário de Direitos Humanos demitido ontem por Rosângela Matheus. Antes ele chegara aos jornais por denunciar o assassinato por espancamento do chines Chang preso suspeitamente. E outros casos de abuso policial.

    Sei que é estranho a Desgovernadora vincular a Corregedoria Geral Unificada, órgão antes autônomo, diretamente ao seu gabinete. Fica dificil uma corregedoria fiscalizar assim com isenção, não acham?


    NO PÁIS DA IMPUNIDADE

    Silveirinha pode ficar preso por apenas dois anos.

    As empresas de onibus (no Rio) tiveram 85% de suas multas canceladas.


    COMENTÁRIOS QUE ACABAM VIRANDO POSTS

    Refere-se a este post sobre os maços ilustrados...

    As imagens podem ser chocantes para nós que estamos sendo expostos em idade avançada (sem ofensa) . A molecada de agora logo, logo vai estar jogando bafo com as figurinhas. Já posso até imagina-los na hora do recreio:
    - Ô marcelo, cê tem uma repetida do câncer de boca? Eu troco por uma do rato e barata.
    - Do rato é mole. Eu queria a do aborto.





    Leia outros comentários a respeito.

    Veja a potoca do Agamenon

    e charges aqui e aqui sobre o assunto.

    Aliás, outro comentário ferino do Letra Morta pesquei (e condensei) lá do seu blog:

    N'O Globo de 01/11/2003 foram publicados alguns trechos de uma entrevista concedida por Luana Piovani ao jornal "Tempo". Entre outras coisas a atriz e modelo afirma que "Na hora que eu quiser qualquer tipo de droga, eu consigo". Seu retrospecto amoroso prova que está certíssima.

    E por falar em outros blogs
    vale a pena conferir o cheque surreal que a avó do Tico mandou pra ele
    em seu Blog Ridículo
    (não tem link direto pro post, cliquem aqui e desçam até 2 de novembro...)


    O PRINCÍPIO DO FIM

    Assim como as grandes corporações que dominam o meio musical, as grandes corporações que dominam o cinema tentam segurar o tempo com as mãos de ferro, dão pancadas pra todo lado, atiram nos próprios pés e rugem como dinossauros a caminho da extinção.

    A última ingrizia do da MPAA - equivalente hollywoodiano da famigerada RIAA - está descrito neste artigo de Ana Maria Bahiana no JB.


    DO BALACOBACO

    Excelente a caricatura de Cavalcante - no seu estilo bem gráfico - retratando Rita Lee e publicado na capa do Segundo Caderno de O Globo esta semana.


    CITAÇÃO DE HOJE

    O PT tem que ser um partido de massa - mas não de massa de manobra.

    - Chico Alencar


    SONHOS

    O sonho é de ontem e portanto já se torna nebuloso...
    mas me lembro que eu ia a um acontecimento musical do Teatro João Caetano
    e na pressa de sair estava comendo coxa de frango e engoli tudo inteiro
    ficando com o osso da perna do frango entalado na garganta.

    Um osso espetado na traquéia.
    Por vários dias tive que andar com a cabeça ereta e a boca aberta por causa do osso entravado. Não virava o pescoço pros lados.

    Quando cheguei no João Caetano percebi que quem tivesse ido com neném pagava meia. Fui ali no Largo de São Francisco onde ainda tinha lojas abertas e comprei um carrinho de neném. Eu estava com uma malinha tipo mochila que uso muito pra ir e vir rio-paquetá com minhas coisas. E como faz frio na barca à noite dentro da malinha tinha um cobertor.

    Enrolei o cobertor na malinha, botei no carrinho de neném, paguei meia e entrei. Tudo isso de boca aberta e cabeça ereta. Andando assim tropecei, meu neném caiu ao chão sem cobertor nem nada revelando-se uma mala e os seguranças armários e truculentos do Teatro me cobriram de porradas e pontapés.

    domingo, novembro 02, 2003



    Hoje nao houve posts por um motivo muito nobre.
    O responsável por este blog0news passou o dia assistindo à maratona dos 30 episódios preferidos pelo público dos Simpsons.

    Quer dizer, vou apenas incluir a...


    CITAÇÃO DE HOJE

    Vamos continuar tentando prestigiar a família americana, para que fique mais parecida com os Waltons e menos parecida com os Simpsons

    - George Bush, o primeiro


    e o blog0news continua…
    visite a lista de arquivos na coluna da esquerda
    para passear pelos posts passados


    Mas uso mesmo é o

    ESTATÍSTICAS SITEMETER