This site will look much better in a browser that supports web standards, but it is accessible to any browser or Internet device.



blog0news


  • Acabar com a corrupção eh o objetivo supremo de quem ainda nao chegou ao poder. (Millor Fernandes)

  • Vislumbres

    Assinar
    Postagens [Atom]

    Powered by Blogger

    Fragmentos de textos e imagens catadas nesta tela, capturadas desta web, varridas de jornais, revistas, livros, sons, filtradas pelos olhos e ouvidos e escorrendo pelos dedos para serem derramadas sobre as teclas... e viverem eterna e instanta neamente num logradouro digital. Desagua douro de pensa mentos.


    sábado, julho 14, 2007

    Mais um Feito do Governo Lula!!!



    foto de Michel Filho



    clique na potoca para ve-la maior
    para ver outras fotopotocas clique em
    "marcadores: potocas"

    Marcadores: ,

    Luuuuuuuuuuuuula



    ERASMO
    Piracicaba




    LANE
    Brasilia



    clique nas charges para ve-las maiores
    para ver outras charges clique em
    "marcadores: charges"

    Marcadores: ,

    Pelo bem do futebol

    Isto poderá soar como heresia
    mas informo que amanhã estarei torcendo pela Argentina (contra o Brasil) no final desta copinha américa.

    1. Porque a Argentina merece ser campeã. Apresentou de longe o futebol melhor e mais bonito no torneio (do que nem precisava muito, pois foi bem chinfrim, não foi?)

    2. Porque sempre torcerei contra o futebol tacanho e chato e recuado, seja de que seleção ou equipe for.

    3. Porque não considero que torcer contra Dunga - e seus anões em campo - seja torcer contra o Brasil.


    No mais, é como escreveu este leitor para o Renato Mauricio Prado, em O Globo:

    Caro Renato, veja a insólita situação em que nós, amantes do bom futebol, nos encontramos: torcer pela seleção brasileira, com seu pobre e pífio futebol de resultados e seus alucinados comandados e comandantes, ou por “Los Hermanos”, que vêm jogando o mais vistoso futebol desta Copa América? Guardadas as devidas proporções, pode-se antever, nesta final, o tão sonhado confronto entre as seleções de 82 e 94.

    Já pensou numa possível (e até certo ponto normal) vitória do time do comandante Dunga? Vamos ouvir novamente toda aquela ladainha da necessidade da vitória a qualquer custo e ainda ter que aturar a transformação e o surgimento de um novo herói nacional, o “andarilho” Doni!

    Por favor, Renato, não fique chateado com esse seu humilde leitor, mas em nome do bom futebol e de tudo que minha geração cresceu, vendo Zico, Júnior, Falcão, Leandro e outros aprontarem pelos gramados do mundo afora...
    VIVA LOS HERMANOS!”    

    .

    Marcadores: ,

    Potocas

    Congraçamento de prefeitos:

    o prefeito de Chicago, Daley Jr., veio ao Rio para a abertura do Pan e ao visitar o prefeito do Rio, César Maia, entregou a ele o belíssimo presente que trouxe dos Estados Unidos...

    uma fotografia emoldurada de seu próprio pai!!



    - fotografia de Moacyr Lopes Junior

    (Vale lembrar que Rio e Chicago serão concorrentes na disputa por sediar as olimpiadas 2016)


    clique na potoca para ve-la maior
    para ver outras potocas clique em
    "marcadores: potocas"

    Marcadores:

    sexta-feira, julho 13, 2007

    Para quem queria saber: por onde andava aquele casalzinho...



    AROEIRA
    Rio de Janeiro


    clique na charge para ve-la maior
    para ver outras charges clique em
    "marcadores: charges"


    Marcadores:

    Para o Dunga se rasgar de ódio

    Reforçando um raciocínio citado na coluna do Tostão

    a revista inglesa World Soccer, uma das principais do mundo, convidou diversos críticos esportivos para escolherem os melhores times de futebol de todos os tempos.

    Eis as dez primeironas:
    1 Brazil 1970
    2 Hungary 1954
    3. Holland 1974
    4 Milan 1989-90
    5 Brazil 1958
    6 Real Madrid 1956-60
    7 Brazil 1982
    8 Barcelona 1991-94
    9. Italy 1934-38
    10. France 1998- 2000

    Claro, listas nunca são totalmente precisas e reais,
    mas esta levantou um ponto interessante
    nessa discussão (eterna?) que o Dunga fez o favor de ressuscitar
    com suas táticas taconhas e declarações mais ainda:

    Sete seleções de países são citados como os melhores de todos os tempos.
    Quatro são vencedores de copas: o Brasil de 70 e o de 58, a Itália do pré-guerra e a França de 98 (???).
    Tres das melhores seleções de todos os tempos são "perdedores de Copa" e, portanto, segundo os futebolistas de resultados, deveriam ser execrados.
    E mais: se ficarmos com os sete melhores votados, tirando os geniais Brasis de 70 e de 58, todas as outras citadas são essas também geniais, independente de terem ganho suas Copas ou não, porque jogaram realmente belíssimo futebol:
    a Hungria de 54, a Holanda de 74 e o Brasil de 82.

    Só para repetir: a glória que fica não é a estatística.

    Por curiosidade, eu gostaria de saber:
    em que colocação ficou a seleção brasileira de 1994, vencedora da copa?



    .

    Marcadores: ,

    quinta-feira, julho 12, 2007

    Pan! Pan!



    AMORIM
    Rio de Janeiro




    AROEIRA
    Rio de Janeiro


    clique na charge para ve-la maior
    para ver outras charges clique em
    "marcadores: charges"



    Marcadores: ,

    PANdemia

    Eu vinha pensando em como a rede de hospitais públicos designados para atendimento à 'família pan" iria dar conta dos recados se nem normalmente com o afluxo cotidiano às suas instalações ela consegue atender à população

    mas agora como vão tentar isto:

    simplesmente deixando de atender à população.

    Todas as consultas marcadas na rede hospitalar publica do Rio de Janeiro foram transferidos para depois do PAN. E suas unidades se dedicarão ao atendimento às necessidades trazidas pelo evento.

    Mais um exemplo de como o PAN - ao contrário do que diziam - não veio para trazer benefícios quanto mais "legados" para o povo carioca.



    - dos muros cariocas

    Marcadores: ,

    Batido o primeiro recorde do Pan!

    Pelo menos segundo o jornal Extra,
    que estampou como manchete principal de hoje

    ESTOQUE DE CAMISINHAS
    DA VILA DO PAN ACABOU


    Marcadores:

    Pan! Pan!



    dos muros do rio
    (stencil de dahmer)

    Marcadores: ,

    Palavras: um povo maraviilhado

    Foi uma belíssima campanha: povo mobilizado, mídia engajada, de fato uma excelente votação.
    Mas nem tudo é uma maravilha.

    Quando fazemos uma campanha dessa magnitude para uma causa menor como essa, me passa a impressão de que perdemos de fato a noção do que é imprescindível para o país, uma vez que vivemos assolados pela miséria, pela violencia, pela corrupção, pelos desmandos políticos.


    Será que não chegou a hora de tomarmos uma atitude séria ,de lutarmos, por exemplo, pelo fim dessa aberração que é o foro privilegiado para autoridades, de discutirmos a verdadeira conduta humana, de acabarmos com os "espertos", de acabarmos com a fragmentação da ética?

    A falta de uma reação popular com o que de fato é importante me leva a crer que o mesmo povo que lutou contra a ditadura e foi às ruas a favor das diretas se engajou numa campanha errada, impensada, ao dar 10 milhões de votos ao Cristo. E o que é pior: escolha impensada feita por pensantes.

    Marcadores:

    terça-feira, julho 10, 2007

    Renan explica gado



    VERONEZI



    Mas....



    PELICANO


    clique na charge para ve-la maior
    para ver outras charges clique em
    "marcadores: charges"

    Marcadores:

    Bagdá não é aqui

    Uma voz na grande imprensa que distoa desse oba-oba em torno da arremetida policial contra o morro do alemão
    (por falar nisso, passados esses dias, alguem pode me dizer quais os resultados positivos concretos dessa operação,
    o que ficou disso para os habitantes do morro
    a não ser a onda de vinganças & torturas praticada pelos traficantes contra supostos e reais colaboradores com a polícia invasora, após esta ter des-invazdindo?)

    A coluna é de Arnaldo Bloch, publicada em O Globo



    Será que vamos todos charutar na cirandinha do inspetor Trovão?


    Recentemente todos vimos o Inspetor Torres, Trovão para os íntimos — peça de destaque nas operações do complexo do Alemão — virar celebridade, fotografado com seu “inseparável charuto”, falando sobre o prazer de viver em guerra no tom de quem festeja uma picanha bem tirada na chapa. Não é culpa dele, nem à toa sentir-se tão à vontade assim para, duma golfada, cuspir seu sonho dourado: explodir malandro no Iraque e em Gaza.

    xplodir malandro no Iraque e em Gaza.

    Afinal, virou moda dizer, como uma obrigação, e até com certa sensualidade, que o Rio vai virar Bagdá. Fica difícil saber quando análise, advertência ou desejo mesmo de ver correr o sangue nas ruas.

    O astral está “dez” para o Trovão: a cada novo confronto entre forças da Lei e narcotráfico, a opinião pública média se esquece que, em favela, também mora gente de bem, bem na linha de tiro. E, à primeira denúncia de excesso ou irregularidades, o senso comum cai logo de pau em quem está cumprindo dever da maior importância numa sociedade aberta: apurar fatos.

    Exemplo: o deputado Alessandro Molon seja quais forem os seus planos eletivos), zelar pela investigação de possíveis execuções entre as mortes, já virou, da noite para o dia (nas palavras dos que reivindicam para si a prerrogativa da “cidadania de bem”) um “defensor do banditismo”. Cinismo e cara-de-pau, no mínimo.

    Esquecem-se, esses que se reservam a exclusividade do bem, que há outros cidadãos igual bem, mas diferentes, bem diferentes, deles. Que há pacifistas entre os “de bem”. Ou cidadãos de bem a favor da guerra contra o tráfico que, nem por isso, desprezam a Lei, o Estado de Direito, a transparência.

    Desde quando é pré-requisito, para ser cidadão de bem, bendizer a morte? Não percebem (e isso é mais grave) esses autoproclamados cidadãos de bem, que os maiores beneficiários dos excessos contra civis (e contra criminosos rendidos) são os próprios criminosos, que, na hora do terror, vão brandir os corpos que não lhes pertencem mas, tombados em suas trincheiras, converter-seatilde;o em vis estandartes. Os homens que se querem de bem precisam entender que, se há uma guerra, guerra mesmo, institucionalizada, contra o tráfico — e ainda que esta seja necessária e justificável —, a glória será tão maior quanto menor for a conta dos cadáveres, e quanto mais lícitas e monitoradas forem as ações.

    Como em qualquer guerra, aliás. Mas parece, por sinal, que a questão no Rio (ou melhor, no Brasil) é decidir se o estado vai mesmo entrar em guerra direta e sistemática contra o crime organizado, ou se ficaremos expondo a população a sangrentas pirotecnias de ocasião, até que os velhos e espúrios pactos se restabeleçam em silêncio.

    Se é guerra mesmo, o estado vai ter que dizer e prestar contas de suas ações como qualquer estado democrático que se queira respeitado e respeitador das convenções internacionais, do espírito humanista, da prevalência da luz sobre as trevas.

    Vai ter que dizer, o estado, que, numa guerra declarada, morrerá muito mais gente inocente do que já morre, e que quando morre um inocente pelas mãos do estado, ainda que por um equívoco, não se pode, nunca, varrer para baixo do pano. Tem que lamentar, chorar, justificar em detalhes, como fazem todos os governos quando honrados. E se as denúncias se provarem infundadas, melhor ainda, mas que jamais se tripudie, por tanto, das almas vigilantes.

    Ou vamos querer nos transformar nuns bushzinhos da Baixada, erguer a nossa guantanamozinha carioca e enchê-la de favelados suspeitos sem direito a Justiça? Vamos nessa?, estourar a miolada e fumar charuto baiano “pra relaxar”? O Iraque é aqui? A Colômbia é? Já estão dizendo que “esses facínoras usam escudos humanos”.

    Líbano? Ah, se fosse lá, o que iriam reclamar, aqui...

    Cuidado, gente. Alto lá. Antes que um novo escândalo humanitário internacional se arme na onda do Pan, vamos parar com esse negócio de justificar, a priori, barbaridade policial com ignomínia de bandido. Do contrário, como é que se vai saber a diferença?


    .

    Marcadores:

    domingo, julho 08, 2007

    18° Salão Carioca de Humor: Galeria Virtual




    BRITO
    (São Paulo - SP)
    "Mike Tyson"
    Caricatura Terceiro Lugar


    clique na caricatura para ve-la maior
    para ver os outros desenhos da galeria
    clique em "marcadores - salão carioca"


    Confira também esse close para ver os detalhes do pontilhismo de Brito:



    Marcadores: ,

    Que maravilha!

    Pois então o Cristo Redentor foi eleito por internautas e celularistas como uma das sétimas maravilhas do mundo moderno.

    Aguardemos então a horda de turistas provocada por este fato
    assim como disseram que haveria uma horda de turistas no Rio por conta do PAN.

    Esperemos também (sentados) os 250 mil empregos novos que serão gerados por conta desta estátua maravilhosa, conforme apregoaram os organizadores da campanha vote cristo.


    adendo

    Por enquanto a única mudança visível deverá ser um aumento no preço das bandalhas ao pé do Redentor. A tabela vai valorizar. Que maravilha!

    .

    Marcadores:

    Maravilhas !!"!



    LEONARDO
    Rio de Janeiro

    clique na charge para ve-la maior
    para ver outras charges clique em
    "marcadores: charges"

    Marcadores:

    DesPANtério

    Então volto a escrever sobre esse outro evento que me dá bronca,
    os Jogos Pan-Americanos no Rio em 2007.

    Lembra quando diziam que o Pan era importante para o Rio, e que deixaria um legado esportivo para a cidade, com novas instalações para os atletas, etc etc ?

    Pois agora César Maia anuncia, antes mesmo do PAN começar, que o Velódromo e o Parque Aquático Maria Lenk, recém-construidos para o evento (e que por serem locais adequados para o esporte supõe-se que integrariam o tal "legado esportivo" para a cidade)
    César Maia anuncia que estes dois espaços virarão locais de espetáculos musicais.

    Quanto ao Parque Aquático, Maia citou justificativa específica: "A natação não é rentável".

    .

    Marcadores: ,

    Pan! Pan!



    desenho em muro do rio de janeiro

    Marcadores:

    Pelo lado musical;;;;

    algumas coisas boas, muita baba como sempre,
    os melhores line-ups, de longe foram os
    da inglaterra, pela força do rock atual,
    e áfrica do sul, pela riqueza da música étnica.

    No novo wembley desfilaram Kasabian, Snow Patrol, Chili Peppers, Beastie Boys, Damnie Rice, Foo Fighters e tal (legal embora muito focado em nomões)
    e no Berço da Origem da Raça Humana (o nome do auditório é este mesmo) Angelique Kidjo, Baba Maal, Mahlasela, o coral de Soweto e a bluseira-mirim Joss Stone.

    Mas o que mais valeu a pena no evento foi o seguinte:
    se para o Live 8 houve a re-agrupamento do seminal Pink Floyd
    o Live Earth será marcado pela volta - tocando juntos após décadas - do Spinal Tap!!
    Foi interessante ver num palco o Spinal Tap, uma sátira aos excessos dos metaleiros, acompanhados pelos integrantes do Metallica (um desses excessos)
    aliás, todos os metallicas + todos os beasties & outros convidados, todos tocando baixo...

    Mas o que eu queria comentar mesmo era:
    como fora visto no Live 8
    como anda decadente a música comercial americana?
    o que são aquelas pessoas indo ao palco em NY!!


    .

    Marcadores: ,


    e o blog0news continua…
    visite a lista de arquivos na coluna da esquerda
    para passear pelos posts passados


    Mas uso mesmo é o

    ESTATÍSTICAS SITEMETER