This site will look much better in a browser that supports web standards, but it is accessible to any browser or Internet device.



blog0news


  • Acabar com a corrupção eh o objetivo supremo de quem ainda nao chegou ao poder. (Millor Fernandes)

  • Vislumbres

    Assinar
    Postagens [Atom]

    Powered by Blogger

    Fragmentos de textos e imagens catadas nesta tela, capturadas desta web, varridas de jornais, revistas, livros, sons, filtradas pelos olhos e ouvidos e escorrendo pelos dedos para serem derramadas sobre as teclas... e viverem eterna e instanta neamente num logradouro digital. Desagua douro de pensa mentos.


    sábado, maio 07, 2011

    Por que tanto auê com a foto?



    (Rio de Janeiro, RJ)
     
     clique na charge para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique em marcadores:charges 

    Marcadores: ,

    E o terrorista Osama se empanturrando de Coca-Cola, hein?

    Amplify’d from www.disinfo.com
    Osama Was Crazy About American Soft Drinks,
    soda-pop-bottle-carton-coca-cola-things-go-better_400191225010
    Abbottabad shopkeepers say that the men revealed to be bin Laden’s aides would regularly purchase bulk quantities of both Pepsi and Coke. It seems his hatred for the infidels was matched only by his love for our sweet, sweet carbonated colas.
    Read more at www.disinfo.com
     

    Slate reune 65 charges internacionais sobre morte de Osama

    Marcadores:

    Palavras: O Líder Terrorista

    Osama Bin Laden quer mostrar ao mundo que quem governa o mundo não são as intenções de Barack Obama, mas as suas. Barack Obama bombardeou a Líbia, torturou prisioneiros em Guantánamo, invadiu o Paquistão, executou um homem desarmado, destruiu provas, jogou (ou alega ter jogado) seu corpo ao mar. Obama virou Osama, e isso mostra que Osama venceu.


    - Braulio Tavares

    sexta-feira, maio 06, 2011

    Bin Laden: Military or Media Operation?

    Amplify’d from www.disinfo.com

    Nailing Bin Laden: Was It A Military Or A Media Operation?

    Danny Schechter
    Osama bin Laden hideout
    The CIA wanted a more controlled high profile and dramatic intervention for public consumption, for what, in the end, was a marketing campaign— marketing the centrality of the agency’s role in a war whose main audience is not on the battlefield, but in the homeland.
    They needed a heroic narrative to revive support for a war they have been losing, and a scalp to sell to a conflict-weary and disillusioned population. It is no surprise that the Seals labeled UBL “Geronimo” reviving memories of fighting guerilla-style Indian wars. Muslim renegades are apparently our new “savages.”
    We are as conscious about what we say as what we do, we always fashion a propaganda storyline demonizing the enemy who is often compared to Hitler.  Bin Laden lived in a “million dollar mansion” (It cost $48,000 to buy six years ago). He was heavily armed (he wasn’t). He hid behind female human shields (he didn’t). Who cares about facts… this was a TV orchestrated event

    Read the full article at www.disinfo.com

    Marcadores:

    Osama sepultado conforme a tradição


    (Ribeirão Preto, SP)
     
    clique na charge para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Melhor primeira página desta semana recheada de noticias.

    Greatest Front Page Ever

    This will never be topped.
    292500378.jpg
    James Fallows -
    Read more at www.theatlantic.com

    A primeira página dessa semana recheada

    Amplify’d from www.theatlantic.com

    Greatest Front Page Ever

    This will never be topped.
    292500378.jpg
    Read more at www.theatlantic.com
     

    Marcadores:

    Exclusivo! Depoimento da Viuva de bin Laden

    Marcadores:

    quinta-feira, maio 05, 2011

    This is how Terminator started

    also on April 21, 2011, it was announced that President Obama has authorized the use of unmanned robot aircraft to patrol the skies of Libya, blasting our opponents into oblivion in scenes that will seem eerily familiar to James Cameron fans everywhere. The next day, 25 people were killed half a world away in Pakistan by another U.S. drone attack, stirring once again Pakistani anger over America's ability to use squadrons of super-sophisticated unmanned high tech aircraft supported by orbiting networks of U.S. satellite technology to lay waste to primitive mud villages
    while in Cameron's vision the attacks against humans were carried out by a bloodless, soulless enemy run amok, in reality the attacks represent an effort by actual human beings to use technology to destroy other human beings without actually putting the attackers at risk. While this may be the ultimate in warfare, the over-the-horizon silver bullet that assures the safety of the man or woman pulling the trigger, it is also an approach to warfare that contains not one but several moral hazards.
    osted By David Rothkopf
    Read the article at rothkopf.foreignpolicy.com

    Marcadores:

    Hillary vive momentos de tesão, quer dizer, tensão, no ataque a Obama




    (Rio de Janeiro, RJ)
     
    clique na charge para ve-la maior
    para ver outras charges clique em"marcadores: charges
     

    Marcadores: ,

    Osama was enormously sucessful


    Bin Laden’s war against the U.S. economy

    By Ezra Klein
    Bin Laden, according to Gartenstein-Ross, had a strategy that we never bothered to understand, and thus that we never bothered to defend against. What he really wanted to do — and, more to the point, what he thought he could do — was bankrupt the United States of America. After all, he’d done the bankrupt-a-superpower thing before. And though it didn’t quite work out this time, it worked a lot better than most of us, in this exultant moment, are willing to admit.
    For bin Laden, in other words, success was not to be measured in body counts. It was to be measured in deficits, in borrowing costs, in investments we weren’t able to make in our country’s continued economic strength. And by those measures, bin Laden landed a lot of blows.
    Nobel laureate Joseph Stiglitz estimates that the price tag on the Iraq War alone will surpass $3 trillion. Afghanistan likely amounts to another trillion or two. Add in the build-up in homeland security spending since 9/11 and you’re looking at yet another trillion. And don’t forget the indirect costs of all this turmoil: The Federal Reserve, worried about a fear-induced recession, slashed interest rates after the attack on the World Trade Center, and then kept them low to combat skyrocketing oil prices, a byproduct of the war in Iraq. That decade of loose monetary policy may well have contributed to the credit bubble that crashed the economy in 2007 and 2008.
    Read more at www.washingtonpost.com

    Pela COCHLEA: A Banda de Joseph Tourton - 16 Minutos

    Confusing Details in Abbottabad


    Coisas que não batem nas imagens da fortaleza...

    Post-Mortem in Abbottabad
    By YASMEEN ALI
    First, the wall that encircled the compound, that was blasted through for entry, showed a humble charpoy [a bed frame] next to a water geyser & a few odd household items stacked right next to the not so gaping hole. Not a hair out of place, so to speak. A little too orderly for my lawyerly taste.
    Second, the room, where a "fire fight" took place causing the deaths of Osama, a woman and some others (no American), disclosed very, very humble lodgings. My servant's room is posh in comparison. No marks of bullets ricocheting off the walls. No damaged glass from the good size windows flanked on one side, the bed sheets on the two charpoys neat enough to do a hotel maid proud. Just over 250 ml of blood on the floor between the two charpoys. It looks that, less than a fire fight, Osama & Co. played the sitting duck! Wait, that's not all. The glass is a see through white. Odd! Anyone can look in and see Osama once night falls. Remember, it's an open area.
     Read the full article here

    Leia o artigo completo clicando aqui



    quarta-feira, maio 04, 2011

    Quinho: Yes We Kill

    Peraê... Essa história tem algo muito errado... Pois não é isso que aprendemos sobre os norte-americanos nos longas de ação.



    Não deveriam ter invadido a fortaleza numa complexa missão, enfrentado vilões perigosos armados até os turbantes e desativado uma bomba amarrada no corpo escultural da Naomi Watts, tomada como refém de última hora pelos terroristas? Não deveria ter havido uma previsível lutinha final de igual pra igual entre o Bruce Willis e o vilão principal? Numa última e covarde tentativa de saída do bandido, caso ele usasse como escudo humano uma de suas próprias mulheres, não deveria o herói ter detido o criminoso e feito de tudo pra deixá-la escapar com vida?
    Read more at quinhoilustrador.blogspot.com
    QUINHO
    See more at quinhoilustrador.blogspot.com
     

    As Charges que Pakistão no Mapa




    (Rio de Janeiro, RJ)
     
     
     
     



    (Belém, PA)
      







     QUINHO 
    (Belo Horizonte, MG)
    clique nas charges para ve-las em tamanho maior
    para ver outras charges clique em marcadores:charges 

    Marcadores: , , ,

    Famosas Malocas de Famosos Vilões

    voce consegue identificá-los?

    Amplify’d from www.slate.com

    Match history's most-notorious fugitives to their evil lairs.

    Bin Laden isn't the first infamous figure to seek shelter in a secluded lair. Think you know who went where? Test your knowledge of famous hide-outs with this interactive game.

    See more at www.slate.com
     

    Via IRIS: Mildred Pierce - dir Michael Curtiz (EUA, 1945)



    Vendo o filme antigo para comparar com a minisérie recente - muito intereressante pois James Caiin, roteirista da época, mudou muita coisa transpondo seu próprio livro para o filme.

    O filme é bom,um clássico dos confrontos Mãe & Filha, embora Joan Crawford não seja exatamente uma boa atriz.

    (Ironicamente, Joan é sacaneada aqui pela filha, quando sabemos que na vida real, como mãe.... )

    Fisk: Osama foi queima de arquivo

    Amplify’d from www.itamaraty.gov.br


    Os
    ama foi traído? Claro que sim / Coluna / Robert Fisk

    Mas um julgamento traria mais preocupações para algumas pessoas do que o próprio Bin Laden. Afinal, ele poderia revelar os contatos que teve com a CIA durante a ocupação soviética do Afeganistão, ou seus encontros em Islamabad com o príncipe Turki, chefe da inteligência da Arábia Saudita. Assim como Saddam — que foi julgado pelo assassinato de apenas 153 pessoas e não dos milhares de curdos que matou com gás. Saddam foi enforcado antes que tivesse a chance de contar como obteve dos EUA as matérias-primas para fazer o gás, ou sobre sua amizade com Donald Rumsfeld e a ajuda militar que recebeu depois que invadiu o Irã em 1980.

    Leia a coluna clicando aqui:  www.itamaraty.gov.br

    Novo HQ Brasileiro: Papo com Cobiaco, Coutinho & Grampá





    Clique na imagem para ver o video

    Marcadores:

    terça-feira, maio 03, 2011

    Arte de rua dos protestos egipcios em mostra SP

    Após revoltas, arte do Egito ganha Bienal de Veneza e mostra em SP

    Grafite do ditador egípcio Hosni Mubarak, deposto em fevereiro, sob a frase
    Grafite do ditador egípcio Hosni Mubarak, deposto em fevereiro, sob a frase "o povo quer mudança do sistema"
    Essas imagens, aliás, mostram como a história foi reescrita em tempo real. Grafiteiros adotaram a águia de cabeça para baixo, inversão do símbolo do ditador, como um dos ícones da mudança.
    Read more at www1.folha.uol.com.br

    Ouvindo Longe - Marcelo Jeneci & Laura Lavieri



    Tão looooongeeee
    Tão looooongeeee

    Hans Kung: Joao Paulo II, um santo autoritário

    Teólogo alemão Hans Küng questiona beatificação de João Paulo 2°

    Papa João Paulo 2°, em 2002
    Ele praticava uma política interna autoritária. Com essa beatificação, está sendo beatificada uma determinada política eclesiástica reacionária restaurativa. Aconteceram também, nesse contexto, diversas violações do direito canônico. Todos os prazos previstos foram colocados fora de vigor, tudo sempre através do privilégio papal, o que é um sinal de que ainda temos um absolutismo medieval. Houve uma múltipla traição ao Concílio.
    Em princípio é errado que a Igreja Católica, a grande comunidade religiosa – da qual eu sempre fui membro e sempre o serei – sofra sob aquilo que chamamos de sistema romano. Esse sistema romano, um sistema de governança, foi criado na Idade Média, no século 11. Desde então, vivenciamos um Absolutismo papal, nós temos – pense em Canossa – os clérigos em contraposição aos leigos, temos também a lei do celibato, isso tudo é do século 11.
    A Reforma, no entanto, não fez efeito, nem o Iluminismo.
    Leia a entrevista em  www.dw-world.de

    Sob o Signo do Leão


      CAU GOMEZ
    (Salvador, BA)
    clique na charge para ve-la maior
    para ver outras charges clique em"marcadores: charges

    Marcadores: ,

    De corpo ausente

    Não fui o único a relacionar a historia do corpo de Osama com a morte de Che Guevara.

    Amplify’d from www.newyorker.com

    Burial Lessons: From Che to bin Laden

    Jon Lee Anderson
    che-body.jpg

    The military officers obfuscated. One said that Che’s body had been taken away by helicopter and dumped into the distant jungle; another said he had been cremated, the ashes dispersed. At that point, a mantle of secrecy descended, and it became clear that those who knew where Che’s remains had ended up were not going to talk. The point, as some of the officers later explained, was that they did not want a burial place where Che’s legion of admirers could come and venerate him. More than anything else, they wanted the potency of Che’s message to die with him.

    Read more at www.newyorker.com
     

    segunda-feira, maio 02, 2011

    Este Casamento Real será igual ao Anterior?



    Para relembrar como foi aquela união conturbada,
    veja estas cenas exclusivas da vida entre Charles & Diana.

    Pela COCHLEA: Natasha - Rufus Wainwright

    algunsdos meustuits


     É dificil fazer com que um homem compreenda algo quando o seu salário depende dele não compreende-lo.  (Upton Sinclair)


    Prince Harry at the wedding ceremony: "Can´t wait for this to be over, so I can eat my kate - i mean, my cake!"


    Nesses tempos de Casamento Real, @danilo_radke filosofou:
    Mulheres procuram príncipes em sapos. Homens procuram pererecas em princesas.
     
    Meu avô é meio surdo. Tem que ler os lábios das pessoas. Ler lábios tudo bem, mas é que ele usa um marcatexto amarelo. (Brian Kiley)
    Aquela mulher não estava apenas se atirando pra cima dele. Estava mirando cuidadosamente.
     



    Passadas as Bodas Reais, voltam os Bodes da Realidade




    (Ribeirão Preto, SP)
     
    clique na charge para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Was Osama a Gravy Train for Pakistan?



    For nearly a decade, the United States has paid Pakistan more than $1 billion a year for counterterrorism operations whose chief aim was the killing or capture of Bin Laden, who slipped across the border from Afghanistan after the American invasion.
    The circumstance of Bin Laden’s death may not only jeopardize that aid, but will also no doubt deepen suspicions that Pakistan has played a double game, and perhaps even knowingly harbored the Qaeda leader.
    One can understand the thinking behind Pakistan's support for Afghan Taliban groups, cultivated as an extension of Pakistan's strategic goals in a neighboring territory - but what explains covert assistance to bin Laden, if such assistance was in fact offered (or passively extended)? Was keeping bin Laden alive an effort to keep the U.S. gravy train rolling?
    Read more at www.realclearworld.com

    Did Pakistan betray Osama?


    Interesting thought from Tom Ricks:
    What suspicious minds are asking: Why did the Pakistanis give him up? And what did we give in return? I also think this will strongly up the pressure on the Obama Administration to end its involvement in Afghanistan. Not just politicians but the man on the street is likely to say, Hey, we got him, mission accomplished, let's go home.
    If Pakistan did indeed tip the U.S. off to bin Laden's whereabouts, did they do so as a way to ease the U.S. out of Afghanistan? It doesn't sound all that crazy...


    Marcadores:

    domingo, maio 01, 2011

    Trinta anos esta noite: Riocentro

    HÁ EXATOS 30 ANOS, UMA NOITE DE TERROR   
         Nesta noite de quinta-feira, programou-se um show de música popular brasileira no complexo do Riocentro, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. O show vararia a madrugada e seria comemorativo do dia 1° de maio, Dia do Trabalho.  De repente, a notícia invadiu as redações: duas bombas haviam explodido no Riocentro, uma na caixa de força e outra, incrível, dentro de um automóvel Puma, matando um homem e ferindo gravemente um outro. Esse “outro” saíra do carro cambaleando e com o abdome dilacerado, com vísceras expostas e pedindo socorro.
    Cezar Motta
    Read more at www.colunadolam.com.br

    Via IRIS: The Fighter - dir David Rusell (EUA, 2010)

    Governo só não enfrenta milicias se não quiser

    Marcelo Freixo
    A CPI apresentou 58 propostas de enfrentamento das milícias. Mas desde então não se ouve falar da execução efetiva dessas propostas para acabar com o monopólio miliciano no transporte alternativo, no gás, na exploração clandestina de TV a cabo, na agiotagem... Não adianta o governador Cabral dizer que enfrenta as milícias se há mais territórios hoje sob o controle dessas organizações criminosas no Rio do que na época da CPI. E esse tipo de máfia parece estar até mais forte do que o varejo do tráfico de drogas. O governo sabe o que tem de fazer. Não faz se não quiser.
    Read more at www.psolzonasul.org

    Marcadores:

    Nem todo mundo teve tempo de ver o Casamento Real


     
    (São Paulo, SP)

    clique na charge para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Nova criatividade nas rádios?


    Jabá e medo da internet abrem espaço nas rádios para uma nova era de criatividade

    Leonardo Lichote
    Gravação do programa de rádio 'Segunda-feira sem lei', de Daniel Weskler, Pitty e Beto Bruno / Divulgação
    um levantamento informal com amigos, a observação de conversas nas ruas e nos tweets - e o testemunho de artistas e radialistas - mostra que um público que estava afastado do rádio desde a década de 1990 - não por acaso, o auge da era dos jabás - está voltando a ele.
    Quando chegou a internet, houve o fascínio pela possibilidade de acesso a todas as informações e músicas. Mas esse fascínio tem uma validade, que expira no momento em que você não tem uma luz te dizendo para onde ir, para onde não ir e para onde ir mesmo sabendo que será uma roubada. É o comunicador o camarada que vai dizer o que você está ouvindo. E só o rádio transporta essa sensação de que, naquele momento, você está incluído num grupo. O cara que ouve meu programa em Porto Alegre se sente irmão gêmeo do cara que está no Alto José do Pinho, em Recife. Outro exemplo: eu odiava samba, mas adorava ouvir o programa do Adelzon Alves. Gostava daquela mágica de ele falar com os motoristas de ônibus, era fisgado pela dinâmica. A internet não vai ter isso nunca. O rádio é algo novo, apesar de muito velho.
    Read more at oglobo.globo.com

    Marcadores:


    e o blog0news continua…
    visite a lista de arquivos na coluna da esquerda
    para passear pelos posts passados


    Mas uso mesmo é o

    ESTATÍSTICAS SITEMETER