This site will look much better in a browser that supports web standards, but it is accessible to any browser or Internet device.



blog0news


  • Acabar com a corrupção eh o objetivo supremo de quem ainda nao chegou ao poder. (Millor Fernandes)

  • Vislumbres

    Assinar
    Postagens [Atom]

    Powered by Blogger

    Fragmentos de textos e imagens catadas nesta tela, capturadas desta web, varridas de jornais, revistas, livros, sons, filtradas pelos olhos e ouvidos e escorrendo pelos dedos para serem derramadas sobre as teclas... e viverem eterna e instanta neamente num logradouro digital. Desagua douro de pensa mentos.


    sábado, junho 30, 2007

    18º Salao Carioca de Humor: Galeria Virtual



    DÁLCIO MACHADO
    (Campinas - SP)
    "Frida"
    Caricatura : Menção Honrosa



    clique na caricatura para ve-la maior
    para ver os outros desenhos da galeria
    clique em "marcadores - salão carioca"

    Marcadores:

    quinta-feira, junho 28, 2007

    Lançamento hoje



    Leia aqui sobre o que se trata

    .

    Marcadores:

    Palavras: Rubem Alves

    Sou antropófago. Devoro livros. Quem me ensinou foi Murilo Mendes: livros são feitos com a carne e o sangue dos que os escreveram. Os hábitos de antropófago determinam a maneira como escolho livros. Só leio livros escritos com sangue. Depois que os devoro, deixam de pertencer ao autor. São meus porque circulam na minha carne e no meu sangue.

    - Rubem Alves

    Marcadores:

    quarta-feira, junho 27, 2007

    Charges Canalheiras



    DÁLCIO
    Campinas





    ADÃO
    Rio de Janeiro




    LEONARDO
    Rio de Janeiro



    clique na charges para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique em
    "marcadores: charges"

    Marcadores:

    No mínimo, no mínimo...

    Dias tristes enquanto vai se aproximando o fim do site coletivo No Mínimo

    Colunistas vão se despedindo e já vou sentindo suas faltas
    Sete anos de convivência diária e informativo com NO, depois Mínimo, e... e agora o que?

    Marcadores:

    Enquanto isso, na política de lá...

    Que as eleições nos EUA são um espetáculo de mídia todo mundo sabe.
    Que são os megagrupos economicos que influem na política a americana, todo mundo sabe.

    Mas tudo isso ficará mais explícito e intenso agora que a Suprema Corte americana liberou a veiculação de anúncios de empresas nas campanhas eleitorais.
    Ou seja, quem tiver mais grana forrando sua candidatura poderá tascar mais tempo na TV, e, claro, passando a mensagem que quiser em prol de seus produtos.

    Clássicos do Chico nos Traços dos Cartunistas




    clique na reportagem para ver se consegue ler os textos
    o restante da matéria da Folha de São Paulo
    está aqui

    ps - amanha, quinta dia 28, é o lançamento do livro no Rio de Janeiro.
    Livraria Saraiva, Rio Sul, terceiro andar, à partir das 19 horas.
    Ziraldo, Chico Anysio e mais de vinte caricaturistas que participaram do projeto estarão lá.

    .

    Marcadores: ,

    Palavras: Darwin

    É bem terrível ouvir sobre os crimes horrendos que são cometidos diariamente e que não são punidos - Por maior que seja a acusação contra um homem rico, é certo que em pouco tempo estará livre - Todos aqui podem ser subornados.

    - Charles Darwin
    escrevendo sobre o Brasil
    em 1832

    Marcadores:

    terça-feira, junho 26, 2007

    Charges que decolaram (ao contrário dos aviões)




    DALCIO
    Campinas




    DALCIO MACHADO
    Campinas




    FERNANDES
    São Paulo




    LEONARDO
    Rio de Janeiro




    CLAURO
    Presidente Prudente


    clique na charges para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique em
    "marcadores: charges"

    Marcadores:

    Meu mais recente projeto

    finalmente está sendo publicado, depois de dois anos nisso...

    Conforme deu na Ilustrada, Folha de São Paulo:



    Criações de Chico Anysio ganham livro ilustrado

    "É Mentira, Chico?", organizado por Ziraldo, traz tipos clássicos do humorista

    Cada um dos personagens catalogados ganhou uma biografia própria, um texto com uma cena humorística e pelo menos uma caricatura

    MARCO AURÉLIO CANÔNICO
    DA REPORTAGEM LOCAL

    Com 76 anos de idade e mais de 60 de carreira, Chico Anysio se deu conta de que sua imensa galeria de personagens vivia no imaginário popular, mas não estava catalogada em um meio duradouro como o livro.

    Para resolver esse problema, se juntou a Ziraldo -na verdade, foi pressionado por ele, que acalentava o projeto há anos- e criou uma enciclopédia ilustrada de suas principais criações, o livro "É Mentira, Chico?".

    Recém-lançada por um selo da editora Resultado, a obra é um passeio por 77 personagens clássicos do humor brasileiro, retratados por 40 dos principais cartunistas do país.
    "Esse livro é a comprovação de que eu trabalhei muito", diz Chico. "Esse país cresceu me vendo", completa, sem modéstia e, possivelmente, sem equívoco.

    O título é uma referência à frase marcante do personagem Pantaleão, que aparece na capa caricaturado por Ziraldo -uma repetição da capa do livro "É Mentira, Terta?", de 1973.
    Cada uma das criações catalogadas no livro ganhou uma biografia própria, um texto com uma cena humorística e pelo menos uma caricatura. "Se o Chico morrer, morrem cem personagens com ele, porque a TV não eterniza nada. Vivemos 50 anos com aqueles tipos e eles iam sumir", diz Ziraldo, que escreveu uma introdução e desenhou, além do Pantaleão, o Professor Raymundo.

    Bordões
    Os que acompanharam pelo menos parte das quase quatro décadas de Chico na TV vão lembrar dos bordões clássicos.

    Tipos variados como Bento Carneiro, o vampiro brasileiro ("Minha vingança sará malígrina"), Nazareno ("Ca-la-da!") ou Jovem ("Pô, mãe, eu sou jovem") são tão memoráveis que os trejeitos e as entonações de Chico vêm à mente a partir da leitura dos textos.

    Os 77 tipos registrados no livro são os que o humorista conseguiu guardar -na memória ou em arquivo- entre os mais de 200 que afirma ter criado. Cá estão o galã Alberto Roberto, o corrupto Justo Veríssimo, o gay Haroldo, a apresentadora Neyde Taubaté e o favorito do humorista, o Professor Raymundo Nonato.

    Chico diz ter orgulho especial do mestre da "Escolinha do Professor Raymundo" por ter sido quem abriu as portas do rádio e da TV não apenas para ele, mas para gerações de humoristas. "Zé Trindade, Costinha, Mussum, Zilda Cardoso... a "Escolinha" era a maior empregadora desse país."

    Cartunistas
    "É Mentira, Chico?" também funciona como um "portfolio da caricatura brasileira atual", como define Ricky Goodwin, curador do livro e responsável por selecionar, com Ziraldo, os artistas que ilustrariam a obra.

    "Procurei escolher buscando variedade geográfica, de estilos e também cronológica, desde artistas consagrados até revelações novíssimas", diz Goodwin.

    E assim há desenhos de Lan, Aroeira, Ique, dos irmãos Caruso, Cárcamo, Loredano. Segundo o curador, a seleção de quem ia desenhar que personagem foi feita por sorteio e houve a decisão de doar todos os direitos autorais resultantes das vendas do livro para o Retiro dos Artistas.

    "Só conseguimos fazer o trabalho pelo amor que as pessoas sentem pelo Chico Anysio e o respeito que têm pelo Ziraldo, porque todo mundo trabalhou de graça", diz Goodwin.


    É MENTIRA, CHICO?
    Projeto Editorial:
    Ziraldo
    Curadoria: Ricky Goodwin
    Editora: Resultado
    Quanto: R$ 79 (192 págs.)

    Marcadores:

    segunda-feira, junho 25, 2007

    Charges que não estão no dicionário



    BENETT
    Curitiba




    BENETT
    Curitiba


    clique na charges para ve-la em tamanho maior
    para ver outras charges clique em
    "marcadores: charges"

    Marcadores:

    Vistos na Semana

    Via IRIS:

    Zodiac (David Fincher, EUA, 2007)
    Les Âmes Grisés (Yves Angelo, França, 2005)
    Perdida (Fernando Rivera, México 1950
    Butterfield 8 (Daniel Mann, EUA, 1960)
    Alice doesn´t live here anymore (Scorcese, EUA, 1974)
    A Grande Família (dir Mauricio Farias, rot Guel Arraes e Claudio Paiva, Brasil, 2007)
    El Laberinto del Fauno (Guillermo del Toro, Esp, 2006)
    A Pedra do Reino (Luiz Fernando Carvalho, Brasil, 2007)
    Sweeney Todd (Dave Moore, Ing, 2006)
    Dog Day Afternoon (Sidney Lumet, EUA. 1975


    Pedra do Reino já foi comentado neste blog0news
    mas por outro lado me diverti muito com o filme do seriado Grande Família
    um exemplo de bom acasalamento entre TV e cinema, com bons roteiro e interpretações.

    O Labirinto do Fauno talvez tenha sido o melhor filme de 2006, revisto agora. E Zodiaco é uma mudança de tom o Fincher de Seven e Clube da Luta numa história jornalística-criminal sobre obsessões. Sweeney nao é o próximo filme de Tim Burton mas uma versão inglesa sobre um barbeiro precursor dos serial killers encarnado ótimamente por Ray Winstone. (Burton filma agora a mesma história).

    E continuo vendo muitos filmes passados.
    E Perdida é uma pérola trash mexicana, dramalhão liderado por péssima atriz e ainda pior dançarina (num estilo Carmen Miranda cucaracha). Vi o filme pela participação de Miltinho e os Anjos do Inferno (alguns deles acompanharam a Carmen Miranda de verdade, mais tarde, no Bando da Lua).


    para ver as listas anteriores
    clique em Marcadores: Filmes


    Marcadores:

    É Eça aí

    Quando li que Marcatti seria o artista a registrar a adaptação para os quadrinhos do clássico "A Relíquia", de Eça de Queiroz, considerei isto uma combinação insólita.

    Marcatti é nosso iconoclasta escatológico, Eça escritor antigo e profundamente portugues.
    O universo da sacanagem e o universo da religião.
    Além disto o traço cartoony e personagens arredondados marcattianos não se assemelham a um imaginário de romance naturalista e descritivo como o de Eça.

    Mas deu liga. Os dois, a seu modo, contestadores. Observadores dos homens.
    Já saiu há umas semanas pela Conrad e é uma leitura interessante.
    E como é bom ver de novo Marcatti publicado.



    Leia mais (e veja trechos do livro) aqui

    Marcadores:

    Circo Poeira

    Uma equipe mambembe (seleção brasileira!) num torneio mambembe (copa américa).
    Instalada em hotéis mambembes, em reformas, com máquinas barulhentas a triturar concretos,
    treinando em campos mambembes, esburacados, de grama esfolada.

    E há quem se revolte por craques como Kaká & Ronaldinho e nem tão craques como Zé Roberto não terem querido embarcar nessa roubada.

    Nem Galvão Bueno - que tanto esbravejou contra essa "falta de patriotismo" - e sua equipe quiseram ir nessa roubada.

    Roubada que vai subtraindo o já pouco apego da torcida para com sua representação nacional.

    Marcadores: ,

    Palavras; Regina Spektor

    Continuamos enterrando os nossos mortos
    Continuamos plantando seus ossos no solo
    Mas eles não crescem
    O sol não ajuda
    A chuva não ajuda
    E tudo o que temos são
    grandes colheitas de nomes e datas.

    - Regina Spektor
    "Lacrimosa"


    Marcadores:

    domingo, junho 24, 2007

    18º Salao Carioca de Humor: Galeria Virtual



    LEITE
    (Montes Claros - MG)
    "Hugo Chávez"
    Caricatura Finalista



    clique na caricatura para ve-la maior
    para ver os outros desenhos da galeria
    clique em "marcadores - salão carioca"

    Marcadores:


    e o blog0news continua…
    visite a lista de arquivos na coluna da esquerda
    para passear pelos posts passados


    Mas uso mesmo é o

    ESTATÍSTICAS SITEMETER