This site will look much better in a browser that supports web standards, but it is accessible to any browser or Internet device.



blog0news


  • Acabar com a corrupção eh o objetivo supremo de quem ainda nao chegou ao poder. (Millor Fernandes)

  • Vislumbres

    Assinar
    Postagens [Atom]

    Powered by Blogger

    Fragmentos de textos e imagens catadas nesta tela, capturadas desta web, varridas de jornais, revistas, livros, sons, filtradas pelos olhos e ouvidos e escorrendo pelos dedos para serem derramadas sobre as teclas... e viverem eterna e instanta neamente num logradouro digital. Desagua douro de pensa mentos.


    sábado, março 16, 2013

    Qual foi o primeirissimo ato do Papa Francisco?

    Arquivo e Biblioteca Nacional: O pouco apreço pela memória nacional

     A infiltração de água no Arquivo Nacional, durante um temporal no Rio, semana passada, era tormenta anunciada. A chuva invadiu o prédio pelo teto — que, segundo funcionários, já estaria sofrendo com vazamentos e deficiências na impermeabilização desde 2012—, alagando salas e encharcando caixas e prateleiras com documentos públicos raros.

    Na invasão das águas foram atingidos originais do Tribunal de Segurança Nacional relativos à Era Vargas, caixas com informes dos serviços de informações da ditadura e com documentos da época de dom João VI, além de computadores.

    leia mais
    O pouco apreço pela memória nacional - Jornal O Globo:

    peal cochlea: Ouvindo Mel Torme - Heart and Soul.(Hoagy Carmichael)


    sexta-feira, março 15, 2013

    Will Francis's role during Argentina's 'Dirty War' come back to haunt him?

     

     Both men were freed after Bergoglio took extraordinary, behind-the-scenes action to save them -- including persuading dictator Jorge Videla's family priest to call in sick so that he could say Mass in the junta leader's home, where he privately appealed for mercy. His intervention likely saved their lives, but Bergoglio never shared the details until [Sergio] Rubin interviewed him for the 2010 biography. 

    Bergoglio -- who ran Argentina's Jesuit order during the dictatorship -- told Rubin that he regularly hid people on church property during the dictatorship, and once gave his identity papers to a man with similar features, enabling him to escape across the border.

    readmore
    Will Francis's role during Argentina's 'Dirty War' come back to haunt him? | FP Passport:

    Via iris: THE SESSIONS (dir Ben Lewin, EUA, 2012)


    Corro de filmes com pacientes terminais morrendo de cancer ou pessoas desabilitadas fisicamente pois o tratamento geralmente é pueril & piegas.
    Neste filme não. No tom certo. E temperado com humor.
    Um filme que trata o sexo com naturalidade. E a nudez com naturalidade. Algo raro nas produções americanas.

    E com ótimo desempenho dos atores, principalmente John Hawkes como o paraplégico que só consegue mover a cabeça mas quer aprender a controlar a outra cabeça para finalmente experimentar como é transar com uma mulher. Helen Hunt é a teurapeuta que vai lhe mostrar como.

    Premio do publico em Sundance 2012. 


    quinta-feira, março 14, 2013

    Na praça São Pedro...



    (Belo Horizonte, MG)
      
    para ver outras charges
     clique em marcadores:charges 

    Marcadores: ,

    Papa Francisco: o homem do sobretudo negro -

    Foi em 1979. O então presidente Jimmy Carter dera uma guinada nas relações dos Estados Unidos com a América do Sul para conter as ditaduras da região. E impôs à Argentina uma inspeção da Comissão Interamericana de Direitos Humanos, da Organização dos Estados Americanos. Os emissários da OEA não encontraram um único prisioneiro na Escola de Mecânica da Marinha (Esma), centro de tortura hoje transformado em museu.

    Com a ajuda da cúpula católica, a Marinha escondera meia centena de presos políticos em uma ilha a duas horas de barco da capital, pelo Rio Tigre. Propriedade da Igreja, era usada nos fins de semana pelo cardeal-arcebispo de Buenos Aires. Nome dessa ilha fluvial: “El Silencio”.

    leia artigo de José Casado
    Papa Francisco: o homem do sobretudo negro - Jornal O Globo:  

    pela cochlea: "Sucrilhos", com Criolo

    Calçada pra favela, avenida pra carro,
    céu pra avião, e pro morro descaso.
    Cientista social, Casas Bahia e tragédia,
    Gostam de favelado mais que Nutella
    Quanto mais ópio você vai querer?
    Uns preferem morrer ao ver o preto vencer

    La Maculada Concepción de Francisco I


     


    “De pronto, ante una pregunta, el Cardenal Bergoglio reconoció que Yorio y Jalics, que estuvieron secuestrados en la ESMA entre mayo y octubre de 1976, le manifestaron que cuando fueron liberados había mucho más secuestrados en la ESMA. La pregunta de la querella no se hizo esperar “¿Y usted qué hizo? ” La respuesta fue patética “Le informé a mis superiores, al General de la Orden en Roma y al Arzobispado de la Ciudad”. La pregunta de la querella fue la lógica “¿Y no hizo ninguna denuncia judicial?” “No” fue la respuesta del Cardenal. “¿Y sus superiores, hicieron alguna denuncia?” inquirió la querella. “No sé” fue la respuesta del jesuita. “Pero con la información que tenía, sabiendo que había secuestrados en la ESMA ¿no hizo nada para intentar salvarlos”, insistió la querella. “Informé a mis superiores” fue la lacónica respuesta de Jorge Bergolio.”

    lea más
    La Maculada Concepción de Francisco I | Panorama Mundial de historia y actualidad

    quarta-feira, março 13, 2013

    O papel ainda tem um grande futuro


    Via Iris: HABEMUS PAPAM (dir Nanni Moretti, Italia, 2011)


    Com essa onda de conclave, e papo de Papa, resolvi ver finalmente este filme italiano que se passa, justamente, numa eleição para um novo pontífice.

    A premissa é interessante - um cardeal é escolhido como Papa mas tem dúvidas quanto a aceitar o cargo - mas como sempre com Nanni Moretti o filme é chato.


    Isso é que é Conclave!!



    (Vila Velha, ES)
     
     
    para ver outras charges 
    clique em marcadores:charges 

    Marcadores: ,

    O Rio virou macumba para turista endinheirado

    De JUCA FILHO:
    Vendo essa história que o Banco Oportunity -é com 2pês isso? Dois tês? Sei lá...- comprou meia rua da Carioca e tá praticamente escorraçando de lá casas como o Bar Luiz, a Guitarra de Prata e aquela loja super simpática de guarda-chuvas com a arma dos aluguéis exorbitantes praticados aqui no Rio, fico mais convencido ainda que esta cidade está sendo vitima de um projeto de inviabilização de si mesma, começado muito oportunisticamente - existe essa palavra? -quando se anunciou a bendita Copa e a tal da Olimpíada por aqui... Deste momento em diante alugar e comprar imóveis no Rio se transformou num tormento para a grande maioria dos seus moradores. Qualquer coisa razoável na Zona Sul custa de 800 paus pra cima, sendo extremamente comum os valores milionários, um milhão e meio, dois, por aí. Não, queridos e queridas, eu não tō falando de mansões, mas de apartamentos de 2, 3 quartos, 80, 100 mts quadrados, alguns em estado lastimável. Alugueis? Três, quatro, cinco mil por mês, sem falar de condomínio e IPTU... E isso , muitas vezes, por imóveis maquiados e cheios de problemas crônicos... Há pouco tempo atrás li o Eike Batista falando que o Rio tem que ser uma cidade para ricos, que tá certo que seja assim. Moçada, nestes últimos dois, três anos, os imóveis no Rio subiram 4 (quatro, é isso mesmo) vezes o valor dos salários. Estamos pagando mais caro pra viver aqui do que em Manhatan... E quer saber? Só não piorou mais porque , como dizia o Raul, já chegou ao nível em que "Chicago não agüenta". Daí, somando tudo e unindo as pontas, a conclusão que se chega é que este projeto canhestro de transformar o RIo em macumba pra turista endinheirado não é uma fantasia paranóica... Enquanto isso, depois de meia horinha de chuva...

    Cardeal Bergoglio denunciado na Argentina por seqüestros durante a ditadura -

    O cardeal argentino Jorge Bergoglio, um dos candidatos à sucessão e que participará do Conclave no Vaticano, foi denunciado nesta sexta-feira na Justiça por supostas ligações com o seqüestro de dois missionários jesuítas em 23 de maio de 1976, durante a ditadura, segundo uma fonte judicial do Palácio de Tribunais.

    leia mais
    Cardeal Bergoglio denunciado na Argentina por seqüestros durante a ditadura - 15/04/2005 - UOL Últimas Notícias

    terça-feira, março 12, 2013

    A Igreja precisa de sangue novo


    (Vila Velha, ES)
     
     
    para ver outras charges 
    clique em marcadores:charges   

    Marcadores: ,

    pela cochlea : Atoms For Peace Before Your Very Eyes


    Why more guns won't make us safer - The Week



     The vast majority of gun owners are not maniacs. The vast majority are not planning on shooting their girlfriends, wives, or partners. But in a fit of anger or jealousy or some other overwhelming emotion, a gun can become a convenient way of lashing out. The decision to shoot can take a second, and then can't be undone. It happens every day in this country. These are the sad facts of life. 

    As the Harvard School of Public Health found, "guns in the home are used more often to frighten intimates than to thwart crime."

    readmore
    Why more guns won't make us safer - The Week:

    Simanca revela: como foi a morte do Chavez


    (Salvador, BA)

    para ver outras charges clique em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    segunda-feira, março 11, 2013

    E a gente se ferrari


    Pra começar, a incompatibilidade entre Aterro do Flamengo e eventos de automobilismo. O Aterro é um parque de lazer, onde as pessoas vão para caminhar, andar de bicicleta, andar de skate.... aos domingos inclusive é tradicionalmente fechado para automoveis.

    E, depois, acho que todos estão tendo consciencia de que bebida e carros não são coisas que combinam. Pelo menos tem diversas campanhas, leis e atitudes nesse sentido. Por que então uma empresa de bebida alcóolica patrocinar um evento de exibição da Ferrari?

    ´;;
























    Kim Dotcom fala (pelos cotovelos)




    A pirataria não é um fenômeno do Megaupload, é da internet.. Não existe um sistema justo de preços e distribuição de conteúdos culturais em nível global e em tempo real. Se um filme ou uma canção é lançado em algum lugar do mundo, qualquer um deveria poder ter acesso a ele ao mesmo tempo. Se não, você está incentivando a pirataria.

    E por isso temos pirataria, pelo modo como tratam o consumidor. É ridículo na era da internet colocar trailers de filmes que estreiam nos Estados Unidos e esperar que os usuários do resto do mundo não os busquem. No momento em que estão disponíveis online, quem é obrigado a esperar não vai aceitar. Descobriram a maneira de encontrar esse conteúdo.

    Em dez anos, todas essas organizações de intermediários desaparecerão. Os criadores de conteúdos, os estúdios cinematográficos, os cineastas independentes, os artistas musicais venderão diretamente a seus clientes, lançarão seu produto ao mesmo tempo em todo o mundo para todos os suportes, e o preço baixará provavelmente de modo significativo. Por que você pagaria o mesmo por um filme bom e outro produzido com 10% do orçamento e com avaliações péssimas? Os estúdios o obrigam a pagar por um hotel de cinco estrelas para se hospedar em uma barraca.

    leia entrevista no Farofafá


    Torcida por Odilo Scherer extravasa: - PAPA ESSA, BRASIL !!

    ..

    A nova dança da militancia esquerdista


    QUINHO 
    (Belo Horizonte, MG)

    para ver outras charges clique em marcadores:charges 

    Marcadores: ,

    The Guardian’s thoughtless interview with Kony2012 creator Jason Russell



     Invisible Children are an evangelical organisation who are just the most publicity-hungry of the many right-wing American evangelical groups to have fixated on Uganda (and particularly Ugandan children) in recent years. 

    B.E. Wilson at Alternet looked at IC’s tax filings and found that the group has been funded by a host of hard right Christian groups

    Filmmaker Roger Ross Williams recently put out a brilliant documentary, “God Loves Uganda,” which captures in detail the way in which American “missionaries” to Uganda and their obsession with homosexuality have brought deep and lasting harm to the country

    readmore
    The Guardian’s thoughtless interview with Kony2012 creator Jason Russell – Africa is a Country:

    Jason Russell: Kony2012 and the fight for truth



    In March 2012, US charity Invisible Children launched a film, Kony2012, in a bid to highlight the barbarity of a Ugandan warlord. It became a viral hit online, but the media frenzy proved too much for campaign organiser Jason Russell, who had a very public meltdown. 

    "The only way a video could get more viral is if Susan Boyle and the Cat Bin Lady teamed up to eat shit out of one cup," said Charlie Brooker. "It looks like a T-Mobile advertisement shot by the Pepsi Max pricks… with a charismatic front man who looks like an Abercrombie & Fitch version of Jesus Christ."

    "On the one hand, there was Bono saying Jason Russell deserves an Oscar, and Oprah wants to fill stadiums for me, and Ryan Seacrest wants me on American Idol," he says. "And on the other, there were people saying, 'These people think they're white saviours trying to save Africa', and 'the money goes to corrupt places', and 'there is a special place in hell for you'.

    Ten days later, he ripped his clothes off his back, ran out naked into the street near his San Diego home, slammed his hands repeatedly on to the pavement, battered himself against parked cars, and screamed obscenities until he was eventually led away by police. This, too, became a viral video."

    The thing that sucks the most is that it gives people an excuse not to do anything. People are like, 'Didn't that film-maker take all the money and then go crazy naked in the street?'"

    read interview done by
    Jason Russell: Kony2012 and the fight for truth | World news | The Observer

    domingo, março 10, 2013

    pela cochlea: Seasick Steve live with Jack White & Alison Mosshart & John Paul Jones



    Danuza: Triste país onde os incendios são os mesmos há 57 anos

    A assessoria do Corpo de Bombeiros declarou que no Rio existem apenas três unidades que têm plataformas e escadas; escadas tão curtas que nem chegam ao quarto andar. E o hidrante não tinha água, claro. 

    Dizer o quê? Que o Brasil continua o mesmo de 57 anos atrás, que ninguém faz nada para melhorar os serviço mais elementares, que os bueiros explodem, as escadas dos bombeiros são pequenas, mas que, segundo nossos dirigentes, o Brasil --o Rio, sobretudo-- está bombando?

    leia coluna aqui
    Folha de S.Paulo - Colunistas - Danuza Leão - Triste país - 10/03/2013

    Final da Taça Guanabara tem transmissão esquisita

    (Rio de Janeiro, RJ)
     
    para ver outras charges clique 
    em marcadores:charges

    Marcadores: ,

    Demagogia insana - Renato Maurício Prado:

    o Ministro do Esporte, Aldo Rebelo, não somente quer anistiar as gigantescas dívidas fiscais dos nossos clubes de futebol como torná-los, a partir de agora, isentos de impostos, por considerá-los "associações sem fim lucrativo".

    Os clubes de futebol faturam autênticas fortunas, negociando jogadores, direitos de transmissão de TV, patrocínios em camisas, calções e placas de publicidade nos estádios. Comercializam também produtos dos mais variados, usando suas marcas e cores. E ganham ainda uma dinheirama, vendendo ingressos para os jogos, nas bilheterias e nos programas de sócio-torcedor. 

    Para que se tenha uma ideia, os faturamentos dos principais agremiações esportivas do país, em 2012, oscilaram entre R$ 40 e 290 milhões/ano. Como não considerar isso um imenso e lucrativo negócio, capaz de enriquecer não somente jogadores e técnicos mas, como é público e notório, diversos dirigentes, empresários etc.? 


    leia coluna de RMP
    Demagogia insana - Renato Maurício Prado: O Globo

    Veríssimo: Elefante na sala

    Outros elefantes continuam ignorados, e continuam na sala. Hoje não há nenhuma dúvida de que o cigarro mata e o fumo é a principal causa do câncer no Brasil e no mundo. No caso do Brasil só o volume de impostos que a indústria do fumo paga ao governo explica que não haja um combate mais aberto e decisivo ao vício assassino. Em alguns casos a indústria tem até vantagens fiscais. Já o volume de impostos não pagos pelas religiões organizadas explica a proliferação de Igrejas e seitas no País e a presença de pastores evangélicos brasileiros nas listas dos mais ricos do mundo. Mas a isenção dada ao negócio da religião é um dos assuntos intocáveis do País, um elefante enorme cuja presença na sala nem a imprensa nem ninguém se anima a reconhecer.

    leia a coluna de Luis Fernando Veríssimo
    Elefante na sala - cultura - versaoimpressa - Estadão:


    e o blog0news continua…
    visite a lista de arquivos na coluna da esquerda
    para passear pelos posts passados


    Mas uso mesmo é o

    ESTATÍSTICAS SITEMETER