This site will look much better in a browser that supports web standards, but it is accessible to any browser or Internet device.



blog0news


  • TA TUDO MUITO ESQUISITO, DEPOIS QUE VISUAL VIROU QUESITO

  • Vislumbres

    Assinar
    Postagens [Atom]

    Powered by Blogger

    Fragmentos de textos e imagens catadas nesta tela, capturadas desta web, varridas de jornais, revistas, livros, sons, filtradas pelos olhos e ouvidos e escorrendo pelos dedos para serem derramadas sobre as teclas... e viverem eterna e instanta neamente num logradouro digital. Desagua douro de pensa mentos.


    sábado, fevereiro 24, 2007

    As raposas do desenho e as uvas verdes, ou seja, a inveja é uma merda!!

    Sou curador do Salão Carioca de Humor há dez ou onze anos. Trabalho organizando eventos onde ocorrem concursos de humor gráfico há 22 anos. E em todos esses concursos que organizei, seja como curador ou diretor do evento - e em todos os concursos onde participei como jurado - é sempre a mesma coisa:

    desenhistas que perdem metem o pau no concurso. E falam mal de mim.

    Fazer críticas procedentes, apontar falhas no sentido de que sejam corrigidas, dar sugestões, é uma coisa. Tentar destruir o trabalho de quem está tentando fazer alguma coisa pelo desenho brasileiro (no meu caso, durante 35 anos) é outra coisa.

    Geralmente não perco tempo com essas choradeiras.
    A ficar batendo boca prefiro fazer coisas.

    Mas dessa vez perdi realmente o saco. Cansei de ser agredido.
    Como escrevi, estou ocupadíssimo construindo um evento complicadíssimo mas asim que eu for tendo tempo pretendo responder a cada uma das asneiras recalcadas publicadas aqui, nos grupos de discussão na internet e nas rodas de fofoca que acabam chegando à minha paciência.

    Ninguem é obrigado a concordar comigo, claro, quem acompanha este blog há algum tempo sabe - ao contrário de pessoas que só aparecem aqui uma vez por ano para ver se classificaram (ou eles ou seus amigos) no concurso - bem, sabe que constantemente abro espaços para opiniões discordantes das minhas.

    Ninguem também é obrigado a gostar do Salão Carioca de Humor, um evento que cresceu muito e com isso tomou um rumo do qual muitos discordam. E ninguem é obrigado a participar do Salão Carioca.

    Agora, descer a porrada verbal apenas por que você ou seus preferidos não recebem prêmios não é apenas feio, é patético.

    Acompanhem os textos aqui. No mínimo, será instrutivo (ou destruitivo). :->

    ps -
    a partir de amanhã começarei a publicar as obras dos finalistas que estarão expostos na Laura Alvim durante o Salão.

    Assim vocês poderão falar mal dos classificados pelo menos conhecendo suas obras ao invés de agrupá-los simplesmente sob o epiteto de "panelinha".

    sexta-feira, fevereiro 23, 2007

    Mergulhado no Salão Carioca


    Como no ano passado: o ritmo intensivo e integral dos preparativos para o próximo Salão Carioca, a enormidade das coisas por fazer, a vasta extensão da programação, o mergulho nas vidas de Ziraldo e de Nani para emergir com obras que contem sua historia através de imagens...

    com isto acontecendo não estou conseguindo manter o blog atualizado, nem mesmos com notícias sobre o próprio salão.

    Basicamente: ou eu faço o evento ou escrevo sobre o evento.

    Mas vou tentar hoje, no decorrer do dia, publicar pelo menos a lista dos finalistas do concurso de humor gráfico, pois haver muita gente vindo aqui por esta informação.

    sábado, fevereiro 10, 2007

    Charges

    Chico Caruso fez um mash-up chargístico com duas imagens da semana:




    Um destes assuntos foi retratado por Aliedo



    E Marco Aurélio, do Zero Hora, criou este passatempo com o outro:




    (clique nas imagens para ve-las maiores)

    Salão Carioca de Humor: Selecionados com Quadrinhos


    Artistas Selecionados na Categoria QUADRINHOS
    Afonso Carlos
    Alves
    Antonio Barcelos
    Caco Xavier
    Dahmer
    Delei
    Gabriel Renner
    Guazzelli
    JAL
    Jarbas
    Jarbas Domingos
    Jota AC
    Leite
    Lézio Jr
    Marcos Fernando
    Marlon Tenório
    Mascaro
    Moisés
    Orlandelli
    Peryquito
    Rafa Camargo
    Ray Costa
    Rodrigo Bueno
    Rose Araujo
    Samuca
    Silvio S.
    Vinicius Mitchell
    Xande



    Selecionados com Cartuns


    Selecionados em Charges

    Selecionados de Caricaturas

    Potocas que já vem prontas






    foto de Enrico Pajello
    ´potoca de Ricky Goodwin
    (cliquem na imagem para ve-la maior)

    E vejam a versão do AMORIM:



    A Jurada

    Para contrabalançar o lendário machismo de Ziraldo, artista homenageado do ano e presidente de Juri, o Salão Carioca contará nesta edição, pela primeira vez, com uma mulher entre seu corpo de jurados que irá definir os finalistas e os premiados do Concurso de Humor Gráfico.

    Isabel Lustosa é diretora do Centro de Memória da Casa de Ruy Barbosa, historiadora (lançou em 2006 uma ótima biografia de Pedro I), pesquisadora do desenho de humor, autora de biografia de Nássara, monografias sobre J. Carlos, enfim, é mulher mas entende do assunto. :->

    Mais informações sobre os jurados clicando aqui

    Comentários que acabam virando charges

    Fui ao seu blog para ver a peneira do salão desse ano e vi várias charges sobre aquecimento global.
    Se te interessar, a que segue em anexo é a atualização do meu site nessa semana.


    - Fred Antunes




    sexta-feira, fevereiro 09, 2007

    Um código Da Vinci real

    qual o mistério por trás do afresco de Vasari?

    A batalha perdida de Anghiari?



    O que vai vasari deste imbroglio?

    Charges



    DUKE
    (Belo Horizonte, MG)





    SPONHOLZ
    (Ponta Grossa, PR)

    quinta-feira, fevereiro 08, 2007

    Eu estava aqui comentando o salao carioca e seus resultados de concurso, agora vem quadrinhos, ia publicar hoje uma potoca bobinha, mas depois das noticias desta nova tragedia – uma criança arrastada pelas ruas do rio como num faroeste macabro – nao quero falar nada.

    Baixou este clima geral sobre as pessoas. Vi gente chorando em publico, na rua, hoje.

    A barbarie se espraia e espirala. O mundo está ensandecido. Aquecimento global. Fomento do boçal.

    Assaltantes incendeiam carros com as pessoas dentro.. a rapaziada foi jogar uma pelada e morreu barbarizada sob torturas porque vinham de outra favela... as coisas vao passando dolorosamente dos limites

    as coisas vao batendo pelo asfalto em riachos de sangue

    quarta-feira, fevereiro 07, 2007

    Imagens




    foto de Alex Silva

    Salão Carioca de Humor: Selecionados em Caricatura


    Artistas Selecionados na Categoria CARICATURA
    Afonso Carlos
    Baptistão
    Batoca
    Brito
    Celso Mathias
    Dalcio Machado
    Deco Peçanha
    Diogo D´Auriol
    Edmilson
    Edu Grosso
    Fernandes
    Flavio Luiz
    Fraga
    Guima
    Hector
    Hippertt
    Hugo Araujo
    Jorge Aulis
    Jorge Krok
    Jr Lopes
    Leandro
    Leite
    Lezio Jr
    Lin Lima
    Luiz Carlos
    Mana
    Maria
    Mario Alberto
    Matias Mesquita
    Mattias
    Moura
    Nei Lima
    Orlandelli
    Perlingueiro
    Ray Costa
    Romeiro
    Rose Araujo
    Sorin
    Souza
    Tai
    Vicente Pereira
    Xande
    Zurck

    As melhores manchetes de hoje

    são do jornal EXTRA:

    ASTRONAUTA QUIS MANDAR A RIVAL PARA O ESPAÇO

    e

    DUNGA PERDE PARA FELIPÃO
    E EMPATA COM AGOSTINHO




    Torradas

    O humor do brasileiro apreende mesmo o mais trágico
    e o transforma em piada
    aglutinando o drama
    para sobreviver
    à lama

    O tema mais recorrente nos desenhos inscritos no Salâo Carioca deste ano foi:
    ônibus incendiados.

    Churrasquinho de gente & metal.

    Como cantavam Jararaca & Ratinho...



    ... eram duas caveiras que se amavam...

    foto de Enrico Pajello

    terça-feira, fevereiro 06, 2007

    Charges




    AROEIRA
    (Rio de Janeiro, RJ)

    Salão Carioca: Selecionados da Charge




    Artistas Selecionados na Categoria CHARGE
    Allan Sieber
    Alves
    Amancio
    Casso
    Clauro
    Crist
    Elson
    Érico
    Floreal
    J. Victor
    Jota A
    Kemp
    Leite
    Lor
    LT
    Mayrink
    Mineu
    Moisés
    Morettini
    Perli
    Rico
    Rodrigo Accioly
    Ronaldo
    Rose Araujo
    Samuca
    Sax
    Sidney
    Simanca
    Siney
    WilboR
    William Cogo

    segunda-feira, fevereiro 05, 2007

    Charges: Aquecimento Global




    DÁLCIO MACHADO
    (Campinas, SP)

    Reparem como o Dálcio , de forma visual, sem usar palavras, sintetiza a transformação do aquecimento, à medida em que um iglu (residência nas geleiras árticas) se transforma num forno.

    Essa também é boa:



    PISSARDINI
    (São Paulo, SP)


    E mais:




    BRUM
    (Rio de Janeiro - RJ)




    MARIOSAN
    (Goiania, GO)



    FAUSTO
    (São Paulo, SP)




    PIRES


    Se o concurso do Salão Carioca tivesse prorrogado suas inscrições por uma semana,
    seria alagada com charges sobre aquecimento global.
    è o tema do momento.


    (clique nas imagens acima para ve-las maiores)


    Salão Carioca: Selecionados do Cartum



    Prometi iniciar a divulgação de resultados parciais hoje - desculpas pela demora, quase meia-noite, o dia se encerra, os dias são intensos com o trabalho do salão, hoje com o Nani finalizando a escolha das obras que entrarão no catálogo, viagens no tempo por charges antigos que continuam novos pois os assuntos no Brasil perduram os problemas persistem os temas insistem em retornarem pois nunca foram
    - nem serão solucionados

    Enfim, para não passar da promessa publico pelo menos uma primeira leva, os nomes dos artistas cartunistas, amanhã tem mais.

    Artistas Selecionados na Categoria CARTUM
    Acácio
    Allan Sieber
    Alves
    Amâncio
    Arnaldo Branco
    Biratan
    Clauro
    Crist
    DaCosta
    Dalcio Machado
    Delei
    Duke
    Dumm
    Edra
    Eduardo Arruda
    Eduardo Grosso
    Elson
    Érico
    Eurito
    Faria
    Flavio Luis
    Gabor
    Hector

    Jota A
    Kemp
    Leite
    Lezio Jr
    Lor
    Marcelus Gaio
    Mascaro
    Mattias
    Mayrink
    Mineu
    Moa
    Netto
    Nivaldo
    Orlandelli
    Perli
    Peryquito
    Ponciano
    Pryscilla
    Ric
    Rico
    Ronaldo
    Rose Araujo
    Rucke
    Samuca
    Simanca
    Sinei
    Tardim
    Vasqs
    Vilanova
    Zissu

    domingo, fevereiro 04, 2007

    Charges





    AROEIRA
    (Rio de Janeiro, RJ)

    (clique na imagem para ve-la maior)

    Comentários que acabam virando posts


    ou a incrível história dos desenhos que Allan Alex esqueceu num onibus...

    recebi o seguinte comentário

    Allan Alex, se você passar por aqui, dê uma olhada nisso aqui - é sobre um material que você perdeu num ônibus no Rio há alguns anos...

    -Goyo

    E agora? Que material misterioso é esse?
    Conseguirá Allan Alex recuperar seu portfolio?

    Ou, mais intrigante ainda: conseguiremos encontrar Allan Alex?

    (mais detalhes clicando no link no comentário)

    Refere-se a este post


    Imagens




    foto de Andrea D amato
    (clique na imagem para ve-la maior)

    Andrea inaugura "Será o Benedito? "
    exposição de fotos com festas brasileiras
    congados, reizados, maracatus, divinos
    Pinacoteca do Estado (SP)
    mais aqui



    Salão Carioca de Humor: Jurados


    Ontem escrevi que os trabalhos inscritos no Concurso passaram pela pré-seleção e agora irão para a avaliação do Juri Oficial
    e convém acrescentar então quem serão os jurados deste ano.

    Procuro sempre reunir pessoas as mais diversas possível para termos vários pontos de vista.
    Procuro também não repetir pessoas que foram jurados do salão nos últimos cinco anos
    (os não-premiados reclamam muito de "panelinhas" mas com tal rotatividade isto seria impossível).

    Num grupo de cinco, convido tres desenhistas (a maioria) e dois não-desenhistas ou teóricos da área (para darem outra visão).

    Este ano realmente há um grupo bem diversificado. Confiram:

    ZIRALDO
    como homenageado deste evento é o presidente do juri.
    representando a Caricatura

    NANI
    representando a Charge

    ADAO ITURUSGARRAI
    representando o Cartum

    FLÁVIO BRAGA
    representando os Quadrinhos

    ISABEL LUSTOSA
    representando o lado teórico


    Para quem os conhece ainda, Flávio é roteirista, editor de HQ (lançou o seminal Mega em Porto Alegre), e acaba de lançar o Almanaque dos Quadrinhos, junto com Patati

    Isabel é pesquisadora, dirige o Centro de Memória da Casa de Rui Barbosa, conhece a fundo a história do humor gráfico brasileiro, é autora de biografia do Nássara e monografia sobre J. Carlos, além de conviver diariamente com o desenho por ser casada com o ilustrador Mário Bag.

    Vejamos qual será a amálgama dessa mistura.

    sábado, fevereiro 03, 2007

    Charges





    AMORIM
    (Rio de Janeiro, RJ)

    clique na imagem para ve-la maior

    reparem na maneira em que amorim caricaturou o fidel...

    Muro Brother Brasil


    MOCA, nosso correspondente nas Alterosas, manda esta história curiosa, versão interiorana do voyeurismo eletronico que grassa no mundo, alternativa local ao global.

    A reportagem é do ESTADO DE MINAS


    Menor emissora de TV do mundo lança sua versão para o BBB

    Integrantes do "confinamento", tendo como líder Maria da Piedade, de 68 anos, mãe do apresentador do programa
    (Daniela Mata Machado/Estado de Minas)

    Cristina Horta/EM
    Patrocinada pela fábrica de chupe-chupe de dona Maria da Piedade, estréia
    em Sabará, na Grande BH, a nova edição do 'Muro Brother Brasil', programa
    da menor emissorade TV do mundo



    Vestindo roupa nova, que ele garante ter sido confeccionada especialmente para a estréia do programa, Francisco Dário Santos, que agora é Chiquinho Mial, abriu na sexta-feira à noite as transmissões do Muro Brother Brasil. Para garantir o sucesso da nova atração da TV Muro, ele espalhou câmeras pela casa onde vive com a mãe, Maria da Piedade, e convocou parentes, amigos da família e até o cachorro para entrarem no confinamento noturno – durante o dia, cada um tem de cuidar da sua vida.

    Ontem pela manhã ele já havia percorrido a vizinhança divulgando o programa. Enquanto, no Big Brother da Globo, Pedro Bial convoca os telespectadores a darem uma "espiadinha", Chiquinho Mial convida os "murospectadores" de Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, a darem "uma olhadinha no buraco do portão". E Chiquinho avisa: enquanto o BBB 7 estiver no ar, a segunda edição do Muro Brother também será transmitida.

    Os participantes da atração são Jorge Luís (editor da TV Muro), Thâmer Pimentel, Fabrícia Rodrigues, Jucélia Batista e as crianças Thayná, de 11 anos, Taís, de 8, e Sandy, de 7, além do cachorro Duque, vencedor da primeira edição do reality show, no ano passado. Dona Maria da Piedade também participa e, aliás, é ela quem decide quase tudo no Muro Brother. Aos 68 anos, a mãe de Chiquinho é a pessoa mais velha da casa e, por isso, é também a mais importante (quanta diferença para o Big Brother da Globo, não?). É ela quem resolve, por exemplo, quem é o "guardião", que tem imunidade no "murão" – o paredão do Muro Brother. As crianças também têm prioridades: "Elas só podem ser eliminadas depois do terceiro murão", explica Chiquinho.

    Cristina Horta/EM
    Chiquinho, conhecido pela criação da TV Muro, estréia figurino para comandar o reality show

    As câmeras posicionadas na sala, na cozinha, no quarto que serve de estúdio para a TV Muro, no quarto de dormir e em frente ao banheiro foram todas doadas por pessoas que acreditam no sonho de Chiquinho e querem torná-lo mais real. Mas o grande patrocinador do Muro Brother é a fábrica de chupe-chupe de dona Maria da Piedade.

    Há ainda uma sexta câmera, instalada junto ao telhado, com o foco virado para a rua, que Chiquinho chama de "câmera do povo". É por meio dela que os "murospectadores" se comunicam com os confinados e até se vêem, fazendo festa e torcida pelos seus preferidos, na tela de um aparelho de TV posicionado em cima do muro da casa de Chiquinho. Na hora de votar, o público faz fila no portão. Explica-se: é que não há votação por telefone, mensagem de celular ou internet. Para cada candidato emparedado – ou seria "emurado"? –, é necessário dar um determinado número de batidas no portão da casa. O bike link – link de TV montado numa bicicleta que Chiquinho conduz pela cidade para entrevistar os conterrâneos – também ajuda a dar o termômetro da audiência pelas ruas de Sabará. "É como o De olho no Big Brother", Jorge Luís compara.

    O confessionário do Muro Brother é o banheiro. A câmera instalada em frente a esse cômodo foca os brothers que, sentados sobre o vaso sanitário, votam nos companheiros que devem ir para o paredão, ou melhor, murão. Mas ninguém é filmado enquanto usa o banheiro: a câmera fica do lado de fora e basta fechar a porta para que não se veja nada lá dentro. Triângulos amorosos, bebedeira e todas aquelas frivolidades do Big Brother também não estão na pauta. Dona Maria da Piedade é quem dita as regras por lá, se lembram? Mas quem acha que isso torna o programa morno, está muito enganado. Não vai faltar assombração para movimentar a atração. "Esta casa já foi uma fábrica de caixões", Chiquinho avisa. "E vai ter muitos fantasmas aqui durante o Muro Brother, inclusive a 'mulher do algodão', que vai sair de dentro do banheiro."


    Dez anos em cima do muro

    (Daniela Mata Machado/Estado de Minas)


    Cristina Horta
    Jucélia e Fabrícia em um dos ambientes vigiados
    pela câmera de Chiquinho



    A TV Muro está completando 10 anos de transmissões no muro da casa de Chiquinho, na Rua São Francisco, no Centro de Sabará. Aos 23 anos, quando resolveu transformar seu sonho em realidade ele tinha apenas uma câmera, comprada com o dinheiro que ganhou vendendo brinquedos reciclados. De lá pra cá, suas participações em programas de TV aumentaram a popularidade da "menor TV do mundo" e ele acabou ganhando mais câmeras, videocassetes e até um gravador de DVD.

    "Mas ainda precisamos de mais uma televisãozinha", afirma. Em casa, Chiquinho tem apenas duas: uma de 20 polegadas na sala e outra de 14 no estúdio (sic), usada tanto para editar as imagens da TV Muro quanto para fazer a transmissão, em cima do muro. Mas quem se lembra de quando ele começou deve ficar admirado de como esse rapaz, que durante o dia trabalha na Prefeitura de Sabará, chegou tão longe. Afinal, o embrião da TV Muro era uma "TV" que consistia de uma caixa de papelão, cuja programação – de papel – era exibida por meio de giros numa manivela. Uma coisa, entretanto, não mudou: a principal anunciante, já naquela época, era a fábrica de chupe-chupes de dona Maria da Piedade.

    Salão Carioca: Peneirando



    Semana toda na catalogação de trabalhos recebidos para o Concurso de Desenho de Humor e vendo desenhos e mais desenhos com o pessoal da pré-seleção...

    Como eu escrevi, mais de dois terços dos inscritos deixaram para entregar na última hora. O ED, de BH, quadrinhista muito engraçado e prévio favorito a algum premio (foi primeiro lugar em HQ no ano passado) nos contatou várias vezes desesperado, que estava finalizando a história, mandou uma primeira página já pronta (ótima) mas não conseguiu terminar e enviar antes do prazo se encerrar....

    Ao todo, foram 1520 trabalhos inscritos.
    Passamos a semana na peneira. Intensa. O pré-juri em tardes & noites de horas e horas na Laura Alvim, felizmente de frente pro mar, numa galeria com vista de Ipanema, e fazendo, claro, o que gosta, né.
    Pois para ficar num tamanho víável para o Juri Oficial analisar, chegamos a 300 trabalhos.
    Ou seja, 20%.

    Agora vem outras pessoas, os convidados para o Juri, com outro olhar, outros parâmetros, para definir quem serão os finalistas (que entram no catálogo e na exposição) e, depois, em outra rodada, quem serão - finalmente - os premiados.

    E atenção:
    segunda-feira, à noite, estarei publicando aqui no blog0news - por ser o espaço que tenho disponível - os primeiros resultados parciais deste Concurso!
    Quem estiver na torcida, não deixe de passar por aqui.

    Enquanto isso, poderão ler notinhas & boletins sobre o Salão que irei soltando aqui à medida que forem acontecendo.

    sexta-feira, fevereiro 02, 2007



    ANDRÉ DAHMER
    "Malvados"

    (clique na imagem para ve-la maior)





    Um site onde cada atualização representa dor & desgraça & quem sabe alerta ou toques em quem pode fazer uma coisa
    um registro onde se pode pensar que cada morte, mesmo do indigente barbarizado num valão, pode não ser em vão ou pode ser apenas mais um número
    as empresas estampam em cartazes estatisticas há tantos dias esta obra não tem acidentes o máximo que podemos almejar em nossas guerra civil nosso bagdá ou desce carioca é calcular quantas horas desde o ultimo assassinato ou mesmo de minutos a minutos morre alguem de morte matada
    nesta terra arrasada
    onde a cada atualização deste site a cotação da vida cai
    na bolsa dos bolsões de miserê de sentimentos.

    Andre Dahmer e Vinicius Costa tiveram a ideia baseada no Iraq Body Count.
    E como (as charges nos lembram sempre) o haiti é aqui e o iraque é logo ali...

    Dahmer pra quem não se lembra é o autor do contundente Malvados
    Vinicius Costa é o Spyboy, CEO da Spy Inc.

    E você pode acompanhar essa contagem agressiva

    Congresso Retrocesso



    Vendo as primeiras páginas dos jornais... e quem são os destaques do novo congresso renovado... Clodovil, Maluf, Collor, Palocci, Eneás... dá vontade de deitar no chão e chorar...


    foto de Celso Junior
    (clique na imagem para ve-la maior)


    quinta-feira, fevereiro 01, 2007





    FERNANDES
    (São Caetano do Sul, SP)

    Homenageados do Salão


    Escrevi este release hoje sobre os artistas que terão exposições no 18º Salão Carioca:

    O XVIII Salão Carioca de Humor, buscando uma qualidade condizente com a celebração de sua maioridade, irá homenagear o maior artista gráfico brasileiro e um dos melhores do mundo, Ziraldo, abrindo as comemorações de seus 75 anos de vida.

    Ziraldo tem uma produção artística tão vasta que torna-se difícil classificá-lo num texto. Cartunista, jornalista, artista gráfico, romancista, autor e ilustrador de livros infantis, quadrinhista, chargista, ilustrador, capista, cartazista, humorista, teatrólogo, caricaturista, editor de publicações, apresentador de TV, publicitário, político cultural...

    Ziraldo Alves Pinto começou desenhando para publicidade , no Rio e em Minas. Logo passou a colaborar como cartunista para as maiores revistas dos anos 50 e 60. Participou de O Cruzeiro e de A Cigarra, fenômenos de vendas da época, Foi por anos chargista diário do JB e cartunista da Visão. Lançou nos anos 60 a Turma do Pererê, primeira revista em quadrinhos brasileira de um único autor.

    Criou personagens populares como a Supermãe, Jeremias o Bom e Mineirinho Come-Quieto. Foi uma das cabeças à frente do Pasquim, revolucionando a imprensa, a linguagem e o comportamento do país. Suas ilustrações são publicadas pelas mais conceituadas revistas internacionais de artes gráficas. Na publicidade, ilustrou desde outdoors da Sharp a caixas de fósforos da Fiat Lux, passando por campanhas célebres como o Fumar é cafona. Foi presidente da Funarte e editor de publicações como Bundas, Palavra, Pasquim 21 e Caderno B.

    Seus primeiros livros foram de Fotopotocas, uma bossa que inventou no tempo do Juscelino. Depois vieram antologias de cartuns e de charges. Hoje, além de livros de ficção para adultos, como Vito Grandam e O Aspite, Ziraldo é o mais famoso autor infantil brasileiro contemporâneo, com mais de 90 livros publicados, traduzidos para trinta línguas diferentes. Seus livros Flicts e O Menino Quadrinho tornaram-se clássicos. O personagem O Menino Maluquinho, criado em 79, foi um sucesso retumbante, em forma de livros, animações, filmes, programa de TV, bonecos, produtos comerciais e até uma ópera.

    A produção de Ziraldo é tão prolífica e diversificada que o Salâo Carioca, ao homenageá-lo, modificará a sua estrutura. Ao invés de apresentar exposições de diversos autores sejam individuais ou coletivas quase todas as mostras do próximo evento enfocarão este mestre do traço, cada uma refletindo uma faceta diferente do artista. As exposições do Jubileu do Ziraldo terão cenografias interativas criadas por Daniela Thomas, teatróloga, cineasta e cenógrafa de renome internacional além de filha do homenageado e a curadoria de Ricky Goodwin, que além de ser o curador do Salâo Carioca em suas últimas 12 edições, convive com o artista desde 1968.

    Outro mineiro que veio para o Rio de Janeiro e transformou-se num dos humoristas mais conceituados do Brasil é Ernani Diniz Lucas, o Nani, que também estará representado com uma exposição retrospectiva no XVIII Salão Carioca de Humor, ao comemorar seus 40 anos de carreira.

    Lançado como cartunista na imprensa mineira, Nani integrou a equipe do célebre Pasquim de 1973 a 1991, principalmente com sua seção Imprensa Nani-ca, que atualmente é publicada no Jornal do Brasil. Vindo para o Rio, foi chargista do Jornal dos Sports por vários anos, onde criou o personagem Zé Zebrinha. Com seu estilo eminentemente popular, de grande apelo, colaborou para os principais veículos da grande imprensa e para diversas revistas alternativas. Sua tira satírica em quadrinhos, Vereda Tropical, vem sendo publicada por jornais brasileiros desde 1984.

    É autor de inúmeros livros reunindo seus cartuns, além de novelas policiais, livros de contos, peças de teatro, livros infantis e compêndios reunindo causos mineiros. Grande parte da produção de Nani como humorista é realizada para a Televisão. Além de ter sido redator de programas como Sai de Baixo e Casseta & Planeta, Nani é o principal ghost-writer de Chico Anísio, tanto com seus personagens na TV quanto nos livros e apresentações em teatros. A maioria das piadas da primeira fase da Escolinha do Professor Raimundo, por exemplo, foram de Nani. Atualmente é redator de Zorra Total.

    Esse humor criativo, crítico e popular estará presente na exposição 35 anos de um Mineiro no Rio, onde além de uma retrospectiva de sua carreira tanto através de desenhos quanto de trechos de programas de TV Nani apresentará uma visão de imigrante sobre o Rio de Janeiro, sua cultura e suas personalidades.



    e o blog0news continua…
    visite a lista de arquivos na coluna da esquerda
    para passear pelos posts passados


    Mas uso mesmo é o

    ESTATÍSTICAS SITEMETER